06/09/2008 - 07h18

Telefones fornecem programação, mas não respondem dúvidas

As informações estão atualizadas até a data acima. Sugerimos contatar o local para confirmar as informações

MAIARA CAMARGO
Colaboração para a Folha Online

Como saber se a sessão escolhida para ver aquele filme esperado já está lotada, ter certeza do horário de exibição ou obter informação sobre a duração dos trailers, para não correr o risco de perder o começo da história? Só telefonando para o cinema. Pensando nisso, o Guia da Folha Online testou na última sexta-feira (5), por volta das 15h, o atendimento de cinco grandes complexos localizados na capital paulista.

Durante as tentativas da reportagem, o telefone do Bristol, localizado na av. Paulista (região central de São Paulo), não funcionou. A ligação não era concluída ou então chamava, mas caía. Em contato com a empresa, a informação foi a de que a gravação eletrônica não havia sido feita e, por conta disso, não havia atendimento. Cerca de 15 minutos após o contato, a gravação entrou no ar, mas apresentava problemas. Posteriormente, a empresa informou que às 16h29 a programação telefônica estava funcionando normalmente. Sobre a opção por esse modelo de atendimento, a justificativa é de que quase a totalidade dos clientes que entram em contato querem saber a mesma informação: a programação do espaço.

Reprodução
Reserva Cultural (SP) não usa gravações e oferece agilidade no atendimento telefônico
Reserva Cultural (SP) não usa gravações e oferece agilidade no atendimento telefônico

O atendimento eletrônico realmente parece ser o principal modelo adotado pelas empresas. No telefone do Unibanco Arteplex, complexo do shopping Frei Caneca (região central de São Paulo), por exemplo, a quarta ligação foi atendida, entretanto, a gravação só oferecia três opções: programação, promoção e mensagem (?). Ao optar por deixar uma mensagem, o telefonema caía. Se o cliente não optar por nenhuma das alternativas e resolver esperar para que alguma pessoa o atenda, ficará falando sozinho, pois o telefone é desligado automaticamente.

O mesmo acontece no contato do Kinoplex Itaim, que é o mesmo das salas do Kinoplex Osasco. O menu tem duas opções, e cada uma leva à programação de uma das unidades. Mas, se a informação desejada não for nenhuma dessas, é melhor se dirigir à sala e perguntar pessoalmente. A empresa afirma que optou pelo sistema com o intuito de agilizar o atendimento, e esclarece que o telefone não é o único serviço para informações. Há o site oficial que, além de dados gerais, oferece um "fale conosco".

Diferente

Em contrapartida, estão o atendimento do HSBC Belas Artes e do Reserva Cultural (ambos na região central da capital paulista). Nos dois casos, a ligação foi completada na primeira tentativa e atendida no primeiro toque. Além disso, o atendimento foi realizado por pessoas.

No HSBC, o atendimento é disponível diariamente das 13h40 às 21h30, de segunda a sexta-feira e também aos domingos; aos sábados, o serviço funciona até as 23h30. Já o Reserva tem atendimento de segunda a domingo, das 12h45 às 22h.

Por meio de nota, a administração do Reserva informou que não pretende mudar o atendimento. O modelo atual serve para solucionar dúvidas detalhadas sobre filmes, horários, preços, promoções e eventos especiais --que afirmou não ser possível realizar todos esses serviços por meio das secretárias eletrônicas.

O HSBC Belas Artes e o Unibanco Arteplex foram procurados, mas não responderam aos questionamentos até o fechamento desta reportagem.

Avaliações de cinema, teatro e exposições
ótimoruim
bompéssimo
regular
Publicidade
A História do Cinema

A História do Cinema

Mark Cousins

Comprar

A Culpa É das Estrelas

A Culpa É das Estrelas

Josh Boone

Comprar

Não Pare na Pista

Não Pare na Pista

Carolina Kotscho

Comprar

Emmanuelle

Emmanuelle

Just Jaeckin

Comprar

Ninfomaníaca (Vol. 2) (DVD)

Ninfomaníaca (Vol. 2) (DVD)

Lars Von Trier

Comprar