Documentário 'Ken Saro-Wiwa, Presente!' retrata vida de ativista nigeriano

Filme narra história do escritor, produtor e ativista ambiental nigeriano

Vagner Vital
São Paulo

Em sua primeira exibição em São Paulo, nesta sexta (2), o documentário “Ken Saro-Wiwa, Presente!” ganha sessão única no Cine Afro e Capoeira, no Centro de Culturas Negras do Jabaquara, na zona sul.   


O filme conta a história do escritor, produtor e ativista ambiental nigeriano Ken Saro-Wiwa, líder de um movimento não violento contra a degradação ambiental das terras e das águas na região do delta do Níger por petrolíferas transnacionais.  

Blog Mural
Cena do documentário “Ken Saro-Wiwa, Presente!” exibido no Cine Afro e Capoeira, no Centro de Culturas Negras do Jabaquara, na zona sul - Divulgação


Em virtude de sua militância, Saro-Wiwa foi preso, condenado —através de um processo judicial considerado fraudulento— e enforcado em 1995.


Com entrevistas de artistas, ativistas e familiares do escritor, que apresentam sua história e o contexto de sua luta, o documentário aborda a exploração petrolífera na região do delta, o racismo e a relevância política e cultural dos projetos artísticos em Londres realizados em homenagem a Saro-Wiwa.


Após a exibição, acontece um debate com Elisa Dassoler, diretora do documentário, e o músico Tiê Alves, que assina a trilha sonora do filme.


Brasil, Reino Unido, Nigéria, 2017. Gênero: Documentário. Direção Elisa Dassoler. 82 min. Livre.
Rua Arsênio Tavolieri, 45, Jabaquara, tel. 5011-2421. Sex. (2): 20h às 22h. Entrada gratuita.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

[arquivo "virtual/hunting/1/newslists/mural/hunting_newslist.inc" não encontrado em: "http://guia.folha.uol.com.br/virtual/hunting/1/newslists/mural/hunting_newslist.inc", "http://indices.corp.folha.com.br/virtual/hunting/1/newslists/mural/hunting_newslist.inc", "/virtual/hunting/1/newslists/mural/hunting_newslist.inc"]