'Christopher Robin', 'Mentes Sombrias' e 'Unicórnio' estão entre as dez estreias da semana

Leia as críticas e assista aos trailers dos longas que chegam aos cinemas nesta quinta (16)

São Paulo

Abrindo o Armário
Brasil, 2016. Direção: Dario Menezes e Luís Abramo. 87 min. 12 anos.
O documentário nacional retrata as conquistas do movimento gay no Brasil a partir de entrevistas com personalidades como João Silvério Trevisan e Linn da Quebrada.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Christopher Robin - Um Reencontro Inesquecível
Christopher Robin. EUA, 2018. Direção: Marc Forster. Com: Ewan McGregor, Hayley Atwell e Bronte Carmichael. 104 min. Livre.
O antes garotinho Christopher Robin cresce e se torna um adulto atribulado. Reaparecem então seus amigos da infância, o ursinho Pooh e sua turma do Bosque dos Cem Acres, e eles embarcam em aventuras nas ruas de Londres. Do mesmo diretor de “Em Busca da Terra do Nunca” (2004).
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Como É Cruel Viver Assim
Brasil, 2017. Direção: Julia Rezende. Com: Débora Lamm, Fabiula Nascimento, Marcelo Valle e Silvio Guindane. 107 min. 12 anos.
Nessa comédia dramática, um homem desempregado resolve, com a ajuda da mulher e de dois amigos, planejar o sequestro de um milionário, mesmo sem nenhuma experiência com crimes.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Como Fotografei os Yanomami
Brasil, 2018. Direção: Otavio Cury. 70 min. Livre.
O documentário nacional retrata o trabalho dos médicos que atuam em aldeias indígenas yanomami, 
em Roraima.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Medo Viral
Bedeviled. EUA, 2016. Direção: Abel Vang e Burlee Vang. Com: Saxon Sharbino, Bonnie Morgan, Brandon Soo Hoo e Mitchell Edwards. 91 min. 12 anos.
No suspense americano, cinco amigos baixam um misterioso aplicativo no celular e passam a ser aterrorizados por entidades sobrenaturais.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Mentes Sombrias
The Darkest Minds. EUA, 2018. Direção: Jennifer Yuh Nelson. Com: Amandla Stenberg, Mandy Moore e Bradley Whitford. 104 min. 14 anos.
Dos mesmos produtores da série “Stranger Things”, o longa é baseado no livro homônimo de Alexandra Bracken. Na trama, quando uma pandemia mata a maioria das crianças e adolescentes, e os sobreviventes desenvolvem poderes sobrenaturais, o governo resolve separá-los de suas famílias. Alguns deles fogem e resolvem lutar contra as autoridades.
Leia a crítica do filme.​
Veja as salas e horários de exibição.

 

A Outra Mulher
Amoureux de Ma Femme. França, 2018. Direção: Daniel Auteuil. Com: Sandrine Kiberlain, Adriana Ugarte e Gérard Depardieu. 84 min. 12 anos.
Na comédia francesa, um homem de meia-idade, vivido por Daniel Auteuil e casado com Sandrine Kiberlain, passa a fantasiar com a nova e jovem namorada de seu amigo, interpretado por Gérard Depardieu.
Veja as salas e horários de exibição.

 

O Protetor 2
The Equalizer 2. EUA, 2018. Direção: Antoine Fuqua. Com: Denzel Washington, Pedro Pascal, Ashton Sanders e Melissa Leo. 121 min. 14 anos.
Na sequência do longa de 2014, Washington vive um motorista de aplicativo que resolve fazer justiça com a próprias mãos depois de descobrir que uma passageira foi violentada sexualmente.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Troca de Rainhas
L’Échange des Princesses. França/Bélgica, 2017. Direção: Marc Dugain. Com: Lambert Wilson, Anamaria Vartolomei e Olivier Gourmet. 100 min. 12 anos.
Baseado em fatos reais, o filme conta como os reinos da França e da Espanha, em 1721, selaram um acordo de paz com uma troca de princesas, resultando no noivado do rei da França, Luís 15, de 11 anos, com Anna Maria Victoria, de quatro anos, e do príncipe herdeiro Luis 1º, de 11 anos, com Luisa Isabel, de 12 anos. O longa é a adaptação do livro homônimo de Chantal Thomas.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Unicórnio
Brasil, 2017. Direção: Eduardo Nunes. Com: Bárbara Luz, Patricia Pillar e Zé Carlos Machado. 122 min. 10 anos.
Inspirado nos contos “O Unicórnio” e “Matamoros”, de Hilda Hilst, o filme narra a história de uma menina que mora com a mãe em uma casa de campo enquanto aguardam a volta do pai.
​Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais