Sesc Belenzinho inaugura exposição interativa para crianças

Mostra 'Yoyo - Tudo que Vai, Volta' tem oito obras de nove artistas, como Regina Silveira e Sandra Cinto

Nathalia Durval
São Paulo

O Sesc Belenzinho abre neste sábado (5) a “Yoyo - Tudo que Vai, Volta”, exposição de arte contemporânea para crianças, criada a partir da revista independente Yoyo. São oito obras de nove artistas, como Raul Mourão e Franklin Cassaro.

Guto Lacaz criou bondinhos que se movem em fios a partir de uma manivela, que deve ser manuseada pelos pequenos para funcionar.

A criançada é convidada a tocar e a interagir com a maioria dos trabalhos da mostra. As ondas do mar em madeira, criadas pela escultora Sandra Cinto, ganham movimento quando o público aciona manivelas. Os desenhos, que misturam azul, preto e branco, vão para cima, para baixo e para os lados. A obra, inédita, é inspirada na série da artista “Encontro de Águas”.

Em parceria com um grupo de crianças, a artista gaúcha Regina Silveira brinca com as sombras de objetos comuns, como chaves, óculos, tesoura e saca-rolhas (foto). As silhuetas obtidas se transformaram em adesivos fixados nas paredes. Lanternas e alguns objetos estarão à disposição no local para o público se divertir criando as próprias sombras.

Obra 'Pendente (Silhuetas)', de Regina Silveira
Obra 'Pendente (Silhuetas)', de Regina Silveira - Divulgação

A artista plástica Lia Chaia convida o público a caminhar pelo espaço calçando “setamancos”, sandálias de madeira que possuem setas direcionando o percurso para a esquerda, para a direita, para frente e para trás.

Obra 'Setamancos', de Lia Chaia
Obra 'Setamancos', de Lia Chaia - Divulgação



Sesc Belenzinho - galpão - R. Pe. Adelino, 1.000, Quarta Parada, região leste, tel. 2076-9700. Ter. a sáb.: 10h às 21h. Dom.: 10h às 19h30. Até 22/7. Livre. Abertura 5/5, 11h. Estac. a partir de R$ 5,50. GRÁTIS

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais