Ópera 'Turandot' encerra temporada lírica de 2018 do Theatro Municipal

Espetáculo terá seis récitas a partir de sexta-feira (16)

Laura Lewer
São Paulo
Elenco encena ‘Turandot’, do italiano Puccini, que estreia na sexta (16), no Municipal 
Elenco encena ‘Turandot’, do italiano Puccini, que estreia na sexta (16), no Municipal  - Fabiana Stig/Divulgação

A princesa Turandot, filha do imperador chinês, não quer se casar. Em batalha com um sentimento misto de trauma e vingança pela lembrança da história de sua ancestral Lou-Ling, violentada e morta por um príncipe estrangeiro, decidiu que só aceitará o pretendente que resolver três enigmas 
que colocam sua vida em risco. 

Esse é o enredo da clássica ópera do italiano Giacomo Puccini, que terá seis récitas a partir de sexta-feira (16), no Theatro Municipal de São Paulo. Composta em três atos, a obra ficou inacabada — Puccini morreu em 1924  e sua estreia só aconteceu dois anos depois, após o pianista Franco Alfano finalizá-la.
A montagem brasileira, com mais de 170 artistas, ficou a cargo do diretor cênico André Heller-Lopes. Quem comanda a Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo é o maestro e diretor musical Roberto Minczuk, ao lado de Mário Zaccaro, que rege o Coro Lírico, e Naomi Munakata, responsável pelo Coral Paulistano. O cenário é de Renato Theobaldo.

As sopranos Elizabeth Blancke-Biggs e Annemarie Kremer dão vida a Turandot, acompanhadas pelos tenores David Pomeroy e Eric Herrero, que interpretam Calaf, e Gabriella Pace e Marly Montoni no papel de Liú.

Theatro Municipal de São Paulo - Pça. Ramos de Azevedo, s/ nº, República, região central, tel. 3053-2100. 1.523 lugares. Qui. (22) a sáb. (17), seg. (19) e qua. (21): 20h. 160 min. 12 anos. Ingr.: R$ 40 a R$ 150. Ingr. p/ eventim.com.br.  
 

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais