Refugiados mostram músicas, comidas e trajes típicos em evento grátis no MIS

Nesta segunda (25), o MIS comemora o aniversário da cidade com a 9ª edição do Conexão Cultural. O evento convida refugiados para compartilhar a cultura de seus países e conta com oficinas, teatro e até cinema.

Das 12h às 22h, uma feira artesanal reúne imigrantes e brasileiros em torno de perfume árabes, tecidos africanos, desenhos de henna e lenços palestinos.

Além disso, fica em cartaz a exposição "Refugiados Eu Me Importo", que seleciona as melhores fotos sobre o tema postadas no Instagram.

Entre pratos típicos das cozinhas árabe, haitiana e africana, também acontecem shows, oficinas e uma mostra cinematográfica. Confira a programação.

Grupo Satellite Musique, que toca o ritmo haitiano compas
Grupo Satellite Musique, que toca o ritmo haitiano compas - Crédito: Marco Estrella/Divulgação

TEATRO

Somos Cromossomos
13h às 14h, Área Externa
Integrantes brasileiros da Cia. Cromossomos remontam o espetáculo que conta a história de seis palhaços desorientados reunidos após uma viagem pelo mundo. A peça reúne comédia, percussão corporal, marionetes e poesia.


OFICINAS

Caligrafia árabe
13h às 15h, no Foyer Auditório LABMIS
O programa possui parte teórica, com apresentação de imagens e estilos; e parte prática, com introdução às quatro primeiras letras do alfabeto árabe e formação de palavras.

Turbante
15h às 16h, no Foyer
Congolesas ensinam homens, mulheres e crianças a amarrar turbantes africanos.

Dança folclórica do Togo
17h às 18h, no Foyer
O artista Sassou Espoir Amétoglo ensina movimentos tradicionais da dança do país oeste-africano.

Animação
17h às 20h, na Sala de Workshop
Ministrada pelo palestino Salim Mhanna, formado em Antropologia Visual pela Universidade de Damasco, a oficina aborda fotografia e criação de imagens nos softwares Photoshop e After Effects.


CINEMA

"Era o Hotel Cambridge" e "Samba"
19h, no Auditório MIS
A mostra exibe uma prévia do brasileiro "Era o Hotel Cambridge", sobre a ocupação de um prédio por refugiados e sem-teto no centro de São Paulo. Em seguida, o longa "Samba" entra na telona com Omar Sy e Charlotte Gainsbourg interpretando a relação entre um senegalês e uma parisiense.


SHOWS

BibliASPA Musical
14h, Área Externa
O conjunto é formado por estudantes árabes ligados à ONG BibliASPA, que se dedica a temas árabes, africanos e sul-americanos.

Ndiguel
16h, Área Externa
O grupo senegalês toca música folclórica com base na percussão.

Cristal Congo Music / Afreeka Brasil
18h, Área Externa
A banda formada por 11 músicos de diferentes nações africanas mistura sons metálicos com música popular africana. No show, apresentam sucessos das rádios no continente.

Satellite Musique
20h, Área Externa
O conjunto surgiu no Brasil por haitianos com um interesse em comum: o compas, ritmo caribenho que lembra o merengue.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais