Diretora argentina Lucrecia Martel filma América espanhola em 'Zama'

Matheus Nachtergaele está em adaptação da obra de Antonio Di Benedetto

Lucas Neves
São Paulo

Quarto longa da argentina Lucrecia Martel, Zamamarca uma inflexão: saem a ancoragem no presente e em Salta, região natal dela, e entram os signos do filme de época e as paisagens do Chaco.

Em "Zama", a cineasta argentina Lucrecia Martel apresenta adaptação de romance homônimo de Antonio Di Benedetto
Em "Zama", a cineasta argentina Lucrecia Martel apresenta adaptação de romance homônimo de Antonio Di Benedetto - Divulgação

Coprodução latina e europeia, o filme é baseado em romance de Antonio Di Benedetto. Em 1790, Diego de Zama é um funcionário da Coroa espanhola rebaixado a posto anódino enquanto espera transferência para Buenos Aires.

Tempos depois, o convite para uma ofensiva contra um cangaceiro do charco surge como paliativo à frustração e, em última instância, fresta de libertação.

Veja salas e horários de exibição.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais