Descrição de chapéu Televisão Cinema
Cinema

O que você precisa saber antes de assistir a 'Bacurau', que estreia na TV aberta

Filme de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles será exibido na noite desta segunda (30)

São Paulo

Pouco mais de um ano depois de sua primeira sessão no Brasil, "Bacurau", filme de Kleber Mendonça Filho e de Juliano Dornelles, estreia na televisão aberta. O longa será exibido nesta segunda (30), às 22h45, na Globo.

A trama retrata um futuro próximo, no qual a fictícia cidade de Bacurau, no sertão de Pernambuco, lamenta a morte de uma de suas moradoras. O luto não é o único acontecimento a abalar a vida da população, que passa a perceber uma movimentação estranha e recebe a visita de forasteiros.

A partir daí, os fatos se desenvolvem de maneira inesperada —o que dividiu opiniões, por causa das referências políticas e do retrato da violência.

Se você ainda não assistiu ao filme, o Guia conta o mínimo que precisa saber antes de ver a produção na televisão e por que o longa fez tanto barulho. Confira a seguir.

*

PRÊMIOS

"Bacurau" foi premiado em Cannes no ano passado, quando levou o prêmio do júri. A única produção brasileira a ganhar a Palma de Ouro, principal prêmio do festival, foi "O Pagador de Promessas", de Anselmo Duarte, em 1962.

O longa também recebeu o prêmio de melhor filme em outras mostras de cinema, como as de Munique, de Lima e a do Cinema Brasileiro.

*

ELENCO

Sônia Braga, que interpreta uma das protagonistas do longa, entrou recentemente na lista de 25 melhores atores do The New York Times. Ela já havia trabalhado com Kleber Mendonça Filho em "Aquarius", de 2016 —o filme também foi exibido em Cannes e ficou marcado por um protesto feito pela equipe no tapete vermelho contra o impeachment de Dilma Rousseff.

Em "Bacurau", Sônia Braga divide a tela com atores premiados, caso Karine Teles, do filme "Benzinho", e de Silvero Pereira, que está no ar na reprise de "A Força do Querer".

*


SUCESSO DE PÚBLICO

Enquanto esteve em cartaz, o filme levou mais de 700 mil pessoas ao cinema. Em votação do Sesc, o público elegeu o longa como o seu favorito e também reconheceu Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles na direção .

*

BASE HISTÓRICA

Em entrevista à Folha, Kleber Mendonça Filho afirmou que "Bacurau" faz referência a situações reais de guerra e conflito, como a invasão da Ucrânia pelos nazistas durante a Segunda Guerra Mundial e a violência no interior do Brasil.

O filme também resgata elementos do cangaço e aborda as complexas relações políticas que regem o país.

*

DISTOPIA

Poucas produções brasileiras exploram a distopia, que se popularizou recentemente em obras estrangeiras como a série "The Handmaid's Tale" e "Black Mirror", caracterizado por retratar o futuro de forma não idealizada.

Em "Bacurau", questões reais como a falta de recursos e o abandono social se chocam com acontecimentos pouco prováveis, caso da invasão da cidade. ​

*

Bacurau

  • Quando Seg. (30): 22h45
  • Onde Globo
  • Elenco Sônia Braga, Udo Kier e Barbara Colen
  • Produção Brasil/França, 2019
  • Direção Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais