Descrição de chapéu carnaval
Passeios

Saiba tudo sobre os desfiles das escolas de samba do Grupo Especial no sambódromo

Apresentações do Carnaval paulistano começam nesta sexta (21) e vão até segunda (24)

-
São Paulo

Os tradicionais desfiles que percorrem a avenida do sambódromo começam nesta sexta (21) e vão até segunda (24). As 14 escolas de samba do Grupo Especial desfilam nas duas primeiras datas, seguidas pelas escolas do Grupo de Acesso. 

Encerrando o Carnaval, o desfile das campeãs será no dia 29/2. Para quem quer curtir as apresentações, ainda há ingressos disponíveis. Confira a ordem, os horários dos desfiles e o samba-enredo das agremiações.

SEXTA, 21

23h15 - Barroca Zona Sul
Desbancando nomes tradicionais, a escola de 46 anos subiu para o Grupo Especial deste ano. Ela abre os desfiles na avenida com um samba-enredo sobre a história de Tereza de Benguela, líder quilombola que viveu no século 18 e lutou contra a escravidão.

0h20 - Tom Maior
Cerca de 2.500 pessoas desfilam nas 21 alas da agremiação fundada em 1973. Com o tema “É Coisa de Preto”, a Tom Maior retrata a vida de personalidades negras que contribuíram para a história do Brasil, como Zumbi de Palmares.

1h25 - Dragões da Real
Vice-campeã do último Carnaval, a escola ligada à torcida do São Paulo reflete sobre a felicidade e o poder do riso no enredo “A Revolução do Riso: A Arte de Subverter o Mundo pelo Divino Poder da Alegria” —e promete arrancar risos do público com o carro abre-alas.

2h30 - Mancha Verde
A campeã de 2019 aposta no tema “Pai, Perdoai, Eles Não Sabem o que Fazem”, um samba baseado na religiosidade que fala sobre pecados e perdão. Cor que representa a agremiação, o verde deve predominar nas fantasias e alegorias. Pelo 14º ano, a atriz Viviane Araújo é a rainha da bateria.

Desfile da Mancha Verde, escola campeã do Carnaval 2019
Desfile da Mancha Verde, escola campeã do Carnaval 2019 - Rivaldo Gomes/Folhapress

3h35 - Acadêmicos do Tatuapé
Cidade do interior de São Paulo, Atibaia ganha uma homenagem no samba-enredo da tradicional escola, duas vezes campeã. A letra exalta a cultura, o charme e as atrações da região —a famosa Pedra Grande não fica de fora. Materiais como palha, juta e esteira foram usados nas alegorias e fantasias. 

4h40 - Império de Casa Verde
O Líbano é homenageado pela tricampeã do Carnaval, sob o título “Marhaba Lubnãn”. Cerca de 250 libaneses e descendentes do país do Oriente Médio desfilam, nas alas de chão, nos carros alegóricos (fique atento ao último a entrar) e até na bateria. Dança do ventre também aparece na apresentação. Ao todo, 2.200 foliões participam.

5h45 - X9 Paulistana
Com o samba-enredo “Batuques para um Rei Coroado” fechando as apresentações de sexta-feira, a tradicional escola da zona norte promete uma viagem pelos ritmos brasileiros, passando pelo samba, xaxado, forró e maracatu, e pelas festas do Divino e de São João.

Sábado, 22

22h30 - Pérola Negra
Vencedora do Grupo de Acesso 1 no Carnaval passado, a escola, que teve parte das fantasias destruídas por temporais, não perderá pontos no quesito fantasia. O samba-enredo “Bartali Tcherain” faz uma homenagem à herança e costumes do povo cigano. Saias rodadas, castanholas e pandeiros devem marcar presença no desfile.

23h35 - Colorado do Brás
A agremiação, que retornou ao Grupo Especial, vai para a avenida com “Que Rei Sou Eu?” para contar a história de dom Sebastião, um rei do século 16 que herdou o trono da coroa portuguesa aos três anos, assumiu a função aos 14 e desapareceu aos 24.

0h40 - Gaviões da Fiel
Com a apresentadora de TV Sabrina Sato à frente da bateria, a agremiação do Corinthians apresenta o tema “Um Não Sei o Quê, que Nasce Não Sei Onde, Vem Não Sei como e Explode Não Sei Porquê...”, que aborda os 50 anos de fundação da torcida alvinegra.

1h45 - Mocidade Alegre
A dona de dez títulos do Carnaval paulistano apresenta o samba-enredo “Do Canto das Yabás, Renasce uma Nova Morada” em 22 alas. Na letra e na decoração dos carros alegóricos, representa orixás femininas, como Obá, Yabá, Oyá e Oxum. Celebra, ainda, a natureza e propõe uma reflexão sobre a relação dos humanos com ela.

2h50 - Águia de Ouro
A escola busca a sua primeira vitória com um enredo sobre a sabedoria humana, “O Poder do Saber”, e promete fantasias luxuosas e coloridas nas 26 alas. “Na busca da evolução / Criar e superar limites da imaginação”, diz um trecho da letra. Em vez de uma rainha, três musas sambam em frente aos ritmistas.

3h55 - Unidos de Vila Maria
A cultura e os costumes chineses são retratados pela escola fundada em 1954. Sob o tema “China: o Sonho de um Povo Embala o Samba e Faz a Vila Sonhar”, o desfile terá dragões e elementos asiáticos. Pelo sétimo ano, Dani Bolina é a madrinha de bateria.

5h - Rosas de Ouro
O encerramento das apresentações do Grupo Especial fica por conta da heptacampeã. Com enredo batizado de “Tempos Modernos”, a aposta da escola é a tecnologia e a chamada quarta revolução. O desfile promete ter realidade aumentada e inteligência artificial.

DOMINGO (23)

Grupo de Acesso
21h – Independente Tricolor
22h – Estrela do Terceiro Milênio
23h – Nenê de Vila Matilde
0h – Leandro de Itaquera
1h – Mocidade Unida da Mooca
2h – Acadêmicos do Tucuruvi
3h – Camisa Verde e Branco
4h – Vai-Vai

SEGUNDA (24)

Grupo de Acesso 2
20h – Flor de Vila Dalila
20h50 – Primeira da Cidade Líder
21h40 – Unidos de Santa Bárbara
22h30 – Amizade Zona Leste
23h20 – Camisa 12
0h10 – Uirapuru da Mooca
1h – Torcida Jovem
1h50 – Unidos do Peruche
2h40 – Morro da Casa Verde
3h30 – Tradição Albertinense
4h20 – Imperador do Ipiranga
5h10 – Dom Bosco​


Ingressos
Com preços de R$ 10 a R$ 2.420, devem ser adquiridos na bilheteria. Os assentos são divididos entre arquibancada, cadeira de pista e mesa de pista, em oito setores (A a H).

Estão esgotados, até o momento, os ingressos para os seguintes setores: sexta (arquibancada, mesas e cadeiras de pista do setor C; mesa de pista G), sábado (arquibancadas A, B C, E, F e H; mesas e cadeiras de pista de todos os setores) e domingo (arquibancada C e cadeiras de pista B)


Vai de...
...Carro?

Estacione no Pavilhão do Anhembi (portão 1)

...Ônibus?
Duas linhas exclusivas saem das estações Portuguesa-Tietê e Palmeiras-Barra Funda do Metrô, das 17h à 1h30 (ida) e das 5h às 9h (volta), com tarifa normal (R$ 4,40)

...Táxi ou aplicativo de corrida?
Desembarque nas proximidades da ponte da Casa Verde com a Av. Braz Leme

Acessibilidade
O transporte para pessoas com deficiência será feito por vans acessíveis do serviço Atende, da Prefeitura, entre 18h e 8h, com saída do metrô Portuguesa-Tietê e do pavilhão do Anhembi

O que não pode levar
Comida, bebidas alcoólicas e em geral, substâncias tóxicas, fogos de artifício, papel em rolo (jornais, revistas etc.), balões, armas de fogo, branca ou de qualquer espécie, bandeiras com mastro, guarda-chuva

Faixa etária
Crianças de 6 a 12 anos só entram acompanhadas dos pais ou responsáveis. De 13 a 17 anos, somente acompanhadas por responsáveis maiores de idade. Entrada proibida para menores de 6 anos.

Sambódromo do Anhembi - Av. Olavo Fontoura, 1.209, Santana, tel. 2226-0500. Bilheteria: Seg. a sex.: 12h às 20h. Sáb. e dom.: 10h às 18h. Ingr.: R$ 10 a R$ 2.420.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais