Descrição de chapéu Livros
Passeios

Mais de 20 bibliotecas já estão reabertas em São Paulo; saiba como visitar

Unidades têm empréstimo de livros, mas funcionam com horário reduzido e atividades parciais

Mariana Marinho
São Paulo

As bibliotecas da capital paulista voltaram a abrir suas portas com a entrada de São Paulo na fase verde do Plano SP, que prevê a abertura parcial de quase todas as atividades culturais. A retomada está sendo realizada aos poucos e seguindo os protocolos de segurança.

Cerca de 20 unidades das bibliotecas municipais estão em funcionamento e oferecendo serviços adaptados de matrícula, empréstimo e devolução de livros. A programação de atividades presenciais, o uso das áreas de estudo e o acesso ao acervo ainda estão suspensos. O usuário deve consultar o catálogo online, e os funcionários ficam responsáveis por buscar as obras nas estantes.

Nas bibliotecas São Paulo (BSP) e Parque Villa-Lobos, que são estaduais e geridos pela organização social SP Leituras, há o retorno de parte da programação presencial —como bate-papos e oficinas com escritores. Nelas, também já é possível agendar um espaço mais reservado para estudar, acessar os computadores por uma hora e utilizar a sala de games. Mas ainda não está liberado o manuseio do acervo (é necessário consultar o catálogo online) e as doações.

Confira as unidades em funcionamento e suas programações.

Biblioteca Mário de Andrade
Apenas a seção circulante está disponível para o público, que pode pegar emprestado e devolver as obras com horário marcado pelo site. Para evitar aglomerações, o acervo fica fechado —a escolha dos livros deve ser realizada pelo catálogo online. Também não é possível utilizar as mesas de estudo e permanecer na biblioteca.
Acesso pela Av. São Luís, 235, República, região central, com horário marcado


Bibliotecas do Centro Cultural São Paulo
O complexo formado pelas bibliotecas Sérgio Milliet, Alfredo Volpi, Gibiteca Henfil e Louis Braille está funcionando apenas para empréstimo e devolução de material. A entrada é realizada pelo piso superior (Flávio de Carvalho), com formação de fila e sinalização de distanciamento. Não é permitido entrar sem máscara e doar livros para o acervo.
R. Vergueiro, 1.000, Paraíso, região sul, tel. 3397-4002. Ter. a sex.: 11h às 15h


Biblioteca Parque Villa-Lobos
No dia 12 de novembro, o espaço recebe o escritor Ronald Augusto para uma oficina (10h) e um bate-papo (15h). O autor é um dos convidados do 13º Viagem Literária, projeto que percorre 62 bibliotecas de 61 cidades, incluindo a capital paulista, entre os dias 9 e 27 de novembro. A poesia contemporânea, a poesia visual e a literatura negra no Brasil são as principais temáticas. A biblioteca também oferece serviços de empréstimo e devolução de livros, agendamento de área de estudo e acesso aos computadores por uma hora. Não é possível manusear o acervo nem doar livros.
Parque Villa-Lobos. Av. Queiroz Filho, 1205, Alto de Pinheiros, região oeste, tel. 3024-2500. Ter. a dom.: 10h às 16h


Biblioteca de São Paulo
O local promove um encontro virtual com a escritora Ana Maria Gonçalves em 9 de novembro. Ela participa de um bate-papo mediado por Manuel da Costa Pinto, às 19h, pelo Facebook da BSP. No dia 13 de novembro, Chacal é o convidado do 13º Viagem Literária. O poeta participa de uma oficina (10h) e uma conversa (15h), ambas presenciais. A biblioteca está de portas abertas com horário de atendimento reduzido. Ainda não é possível manusear o acervo (a consulta deve ser feita online), mas já está permitido agendar um local para leitura e acessar os computadores e a sala de games.
Parque da Juventude. Av. Cruzeiro do Sul, 2.630, Santana, região norte, tel. 2089-8600. Ter. a dom.: 10h às 16h


Outras bibliotecas municipais
As instituições funcionam em horário reduzido, de segunda a sexta, das 11h às 15h. A programação presencial ainda está suspensa, assim como o manuseio do acervo —as consultas são apenas online. Também está suspensa a permanência para estudo. É possível realizar matrícula, empréstimo de até cinco obras por pessoa e devolução de material. Não é necessário fazer agendamento, mas a visita deve respeitar as normas de distanciamento social, como o uso de máscara.

Biblioteca Afonso Schmidt
Av. Elísio Teixeira Leite, 1470, Vila Cruz das Almas, região norte

Biblioteca Alceu Amoroso Lima
R. Henrique Schaumann, 777, Pinheiros, região oeste

Biblioteca Amadeu Amaral
R. José Clóvis de Castro, s/n, Vila da Saúde, região sul

Biblioteca Cassiano Ricardo
Av. Celso Garcia, 4200, Tatuapé, região norte

Biblioteca Castro Alves
R. Abrahão Mussa, s/n, Jardim Patente Novo, região sul

Biblioteca Érico Veríssimo
R. Diógenes Dourado, 101, Parada De Taipas, região norte

Biblioteca José Mauro de Vasconcelos
Praça Comandante Eduardo de Oliveira, 100, Parque Edu Chaves, região norte

Biblioteca Jovina Rocha Álvares Pessoa
Av. Padre Francisco de Tolêdo, 331, Artur Alvim, região leste

Biblioteca Malba Tahan
R. Brás Pires Meira, 100, Jd. Suzana, região sul

Biblioteca Mário Schenber
R. Catão, 611 - Vila Romana, Lapa, região oeste

Biblioteca Narbal Fontes
R. Conselheiro Moreira de Barros, 170, Santana, região norte

Biblioteca Nuto Santanna
Praça Tenório de Águiar, 32, Santana, região norte

Biblioteca Paulo Setúbal
Av. Renata, 163, Vila Formosa, região leste

Biblioteca Pedro Nava
Av. Eng. Caetano Álvares, 5903, Mandaqui, região norte

Biblioteca Prefeito Prestes Maia
Av. João Dias, 822, Santo Amaro, região sul

Biblioteca Roberto Santos
R. Cisplatina, 505, Ipiranga, região sul

Biblioteca Vicente Paulo Guimarães
R. Jaguar, 225, Vila Curuçá Velha, região leste

Biblioteca Viriato Corrêa
R. Sena Madureira, 298 - Vila Mariana, região sul

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais

Mais lidas