Artistas revelam lugares favoritos para ouvir música em São Paulo

Veja as indicações de músicos como Tiê, Rodrigo Ogi e Tatá Aeroplano e

Victoria Azevedo
São Paulo

Atrações da quarta edição do Dia da Música, comemorado neste sábado (30) com 107 shows gratuitos em São Paulo, artistas revelam seus lugares favoritos para ouvir música na cidade.

Cinnamon Tapes
“Gosto das opções que o Bexiga oferece, muitas gratuitas, como os shows que rolam no Escadão do Bixiga e na feira Jardim Secreto. Sempre há artistas novos e interessantes para conhecer” 
Eu recomendo: o duo Antiprisma, que prepara novo disco. A Elisa e o Victor são muitos sensíveis, talentosos e fazem um folk de muita competência.
Escadaria do Bixiga - liga a r. Treze de Maio com o Morro dos Ingleses - Bela Vista
Jardim Secreto - facebook.com/jsecreto

Giovani Cidreira
“Meu lugar preferido para ouvir música é no meu quarto, aquela coisa de tirar a roupa e dançar. E, morando na Casa Vulva, acabo assistindo a muitos shows ou apenas ouvindo lá de dentro, no aconchego”
Eu recomendo: Faz um ano que não canso de ouvir Don L. Fui a um show dele recentemente, no CCSP, e chorei legal
Casa Vulva - R. Coriolano, 345, Vila Romana, região oeste, s/ tel. 

Luiza Lian
“O Centro da Terra é fora do circuito, um teatrinho muito especial, que vale a recomendação tanto pelo lugar quanto pela programação” 
Eu recomendo: A Luisa (da banda Luisa e os Alquimistas) que lançou o disco “Vacanandra” no ano passado e é uma supercantora. E a Nina Oliveira, que tem muitas músicas espalhadas pela internet.
Centro da Terra - R. Piracuama, 19, Perdizes, tel. 3675-1595.

Maria Beraldo
“Meu lugar preferido para escutar música em São Paulo é em um sofá. Gosto de ver as artistas nuas com sua música. Um lugar com essa atmosfera é o Loki Bicho que acaba de reabrir no Pacaembu”
Eu recomendo: Ana Frango Elétrico e Teto Preto
Loki Bicho - r. R. Dr. Acácio Nogueira, 104, Pacaembu.

Moxine
“Nós indicamos a Casa Vulva, que, além de ser um reduto indie, é um lugar que representa muito a resistência feminina” 
Nós recomendamos: SixKicks, Sol a Pino, Papisa, Aíla e Metabrisa.
Casa Vulva - R. Coriolano, 345, Vila Romana, região oeste, s/ tel. 

Rodrigo Ogi
“Fora do circuito de rap, um lugar para ouvir música de que eu gosto muito é a Casa de Francisca, espaço com história, bastante aconchegante e intimista” 
Eu recomendo: fortemente o Nill Soundfood, que lançou o disco “Regina”, um ótimo CD dessa nova leva do rap. E também a Souto MC, que se destaca muito pela escrita e pela voz potente.
Casa de Francisca - R. Quintino Bocaiúva, 22, Sé, região central, tel. 3052-0547.

Sessa
“Cresci indo para a Sinagoga Monte Sinai, em Higienópolis, congregação de judeus imigrantes dos países árabes (sefarditas) em São Paulo da qual minha família faz parte. Hoje, participo com menos frequência, mas ainda vou nas principais festas e gosto muito de ouvir os cantos, ricos em floreios  em escalas árabes, particulares dessa comunidade. O respeito ao canto no contexto religioso ainda informa muito 
meu trabalho como músico”
Eu recomendo: posso ser suspeito para falar, mas seria louco de não recomendar o Música de Selvagem, os músicos mais da pesada de São Paulo, que fazem cada instante musical ser muito vivo.

Tatá Aeroplano
“Uma casa muito legal onde rolam apresentações intimistas e com uma programação especial é o Teatro de Bolso do Quarto Mundo, no bairro da Vila Romana. Lá, o público pode ficar bem colado com o artista, o que torna o show único e especial” 
Eu recomendo: estou curtindo demais o disco “Selma”, da banda Lau e Eu. Estou viciado nele!
Teatro de Bolso do Quarto Mundo - pça. Jesuíno Bandeira, 124, Vila Romana

Terno Rei
“O lugar em que temos mais colado para ouvir música é o Scar, que fica na região da Barra Funda. Lá, eles tocam bastante punk rock e reggae, estilos que todos da banda curtem. A Bolovo também apresenta uns shows legais” 
Eu recomendo: as bandas Raça, de São Paulo, e Wolken, de Santa Catarina, além de Gustavo Lessa, do Rio de Janeiro.
Scar - r. Margarida, 30, Barra Funda, região central, s/ tel.
Bolovo - Rua Fradique Coutinho, 2217, Pinheiros, tel. 3812-9312.

Tiê
“O lugar em que eu adoro ouvir música em São Paulo é no Secretinho. É um lugar pequeno e caseiro, mas sempre traz atrações boas e você tem acesso à banda, consegue olhar na cara do artista. É um lugar bem apertadinho, mas gosto muito de lá” 
Eu recomendo: uma artista nova de quem eu gosto muito e tenho gostado cada vez mais é a Ekena. Ela é uma mulher forte, com uma historia boa, canta pra caramba. Sou muito fã.
Secretinho - r. Inácio Pereira da Rocha, 25, Pinheiros

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais