Filme com Hilary Swank e drama familiar sobre atentados na França estreiam nesta semana

Longas nacionais 'Borrasca' e 'A Sombra do Pai' também integram a lista

Amanda
Idem. França, 2018. Direção: Mikhaël Hers. Com: Vincent Lacoste, Isaure Multrier e Stacy Martin. 107 min. 14 anos.
Aos 20 anos, um jovem leva uma vida sossegada, sobrevivendo com empregos temporários. Quando sua irmã mais velha morre repentinamente, ele precisa criar a sobrinha órfã de sete anos e lidar com o luto. Exibido na 42ª Mostra.
Salas e horários

Borrasca
Brasil, 2017. Direção: Francisco Garcia. Com: Mário Bortolotto e Francisco Eldo Mendes. 72 min. 12 anos.
Após a morte de um amigo, dois homens se reencontram e relembram o passado do trio. Um deles vai ao enterro, enquanto o outro se recusa porque a ex-mulher o traiu com o morto. Enquanto lidam com o luto, buscam um novo sentido para suas vidas.
Salas e horários

Entardecer
Napszállta. Hungria/França, 2018. Direção: László Nemes. Com: Evelin Dobos, Susanne Wuest e Juli Jakab. 142 min. 14 anos.
Às vésperas da Primeira Guerra Mundial, uma jovem que cresceu em um orfanato vai a Budapeste. Lá, consegue emprego na loja de chapéus que pertenceu a seus pais, agora administrada por familiares distantes que não desconfiam do parentesco com a moça. Prêmio da crítica no Festival de Veneza. Do mesmo diretor de “O Filho de Saul” (2015).
Salas e horários

A Sombra do Pai
Brasil, 2018. Direção: Gabriela Amaral. Com: Julio Machado, Nina Medeiros e Luciana Paes. 92 min. 16 anos.
Após a morte da mãe e a saída da tia de sua casa, uma menina de nove anos assume as responsabilidades frente à instabilidade emocional do pai. Quando os papéis se invertem, pai e filha precisam se reconectar.
Salas e horários

Tudo o que Tivemos
What They Had. EUA, 2018. Direção: Elizabeth Chomko. Com: Hilary Swank, Michael Shannon e Blythe Danner. 101 min. 12 anos.
Uma mulher retorna à casa dos pais acompanhada da filha adolescente, para ajudar no tratamento de sua mãe, que sofre de Alzheimer. Lá, precisa lidar com a teimosia do pai, enquanto discute com o irmão se deve internar a mãe em uma casa de repouso.
Salas e horários

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais