Descrição de chapéu Cinema
Cinema

Comédia sobre gordofobia e filme premiado no Festival do Rio estão entre as estreias da semana

Confira trailers, críticas e sessões dos longas que entram em cartaz nesta quinta (5)

São Paulo

Blitz, o Filme
Brasil, 2019. Direção: Paulo Fontenelle. 90 min. 12 anos.
O documentário conta a história da banda Blitz, surgida no Rio de Janeiro nos anos 1980. Recriando o cenário musical brasileiro do fim do século 20, o filme mostra a trajetória do grupo que, após hiatos, retornou em 2006 e continua em atividade. Exibido no Festival do Rio.
Salas e horários

Campo
Idem. Portugal, 2018. Direção: Tiago Hespanha. 100 min. 12 anos.
O documentário mostra Alcochete, o maior campo militar da Europa, nos arredores de Lisboa. No lugar, também uma reserva florestal, os testes bélicos coexistem com animais, pastores, crianças e astrônomos amadores. Exibido na 43ª Mostra Internacional de Cinema.
Salas e horários
Leia a crítica

Cem Quilos de Estrelas
Cent Kilos D’Étoiles. França, 2018. Direção: Marie-Sophie Chambon. Com: Laure Duchene, Angèle Metzger, Pauline Serieys e Zoé De Tarlé. 88 min. 12 anos.
Uma adolescente obesa sonha em se tornar astronauta, mas é desestimulada em decorrência de seu peso. Com ajuda de três amigas, ela atravessa o país para participar de um concurso científico que pode deixá-la mais próxima de seu objetivo. Exibido no Festival do Rio.
Salas e horários
Leia a crítica

Dois Irmãos - Uma Jornada Fantástica
Onward. EUA, 2020. Direção: Dan Scanlon. 106 min. Livre.
Nesta animação da Pixar, dois elfos adolescentes vivem em uma terra de criaturas fantásticas na qual a magia desapareceu para dar lugar a um estilo de vida urbano. Eles saem em uma jornada para trazer o pai deles de volta à vida e recuperar o encanto do mundo.
Salas e horários
Leia a crítica

Fim de Festa
Brasil, 2019. Direção: Hilton Lacerda. Com: Irandhir Santos, Hermila Guedes e Arthur Canavarro. 100 min. 14 anos.
Quatro amigos passam o Carnaval juntos, no Recife, no apartamento de investigador da polícia, que é pai de um deles e está fora de casa, de férias. Porém, ele retorna mais cedo do descanso ao ser designado para investigar a morte de uma turista francesa. Vencedor do prêmio de melhor longa de ficção no Festival do Rio.
Salas e horários
Leia a crítica

Fotografação
Brasil, 2019. Direção: Lauro Escorel. 76 min. 10 anos.
Exibido no Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade, o longa propõe um olhar sobre a transformação do ato de fotografar. Por meio de entrevistas com importantes profissionais brasileiros do ramo, discute-se o impacto das novas tecnologias e da fotografia digital na sociedade contemporânea.
Salas e horários
Leia a crítica

Jexi, Um Celular Sem Filtro
Jexi. EUA, 2019. Direção: Jon Lucas e Scott Moore. Com: Adam Devine, Alexandra Shipp e Rose Byrne. 84 min. 16 anos.
Um homem carente e solitário é viciado em seu celular. Quando o aparelho atualiza, uma assistente digital passa a controlar toda sua rotina. Porém, a ciumenta inteligência artificial se revolta quando ele começa a se envolver com uma mulher de verdade.
Salas e horários

Meio Irmão
Brasil, 2018. Direção: Eliane Coster. Com: Natália Molina, Diego Avelino e Francisco Gomes. 98 min. 16 anos.
A mãe de uma adolescente está sumida há dias. Desorientada e sem dinheiro, ela pede ajuda a seu meio-irmão distante. Ele, porém, também enfrenta problemas, pois foi testemunha do espancamento de um jovem homossexual, o que o levou a receber ameaças. Exibido na 42ª Mostra Internacional de Cinema.
Salas e horários

O Melhor Está por Vir
Le Meilleur Reste à Venir. França/Bélgica, 2019. Direção: Alexandre de La Patellière e Matthieu Delaporte. Com: Fabrice Luchini, Patrick Bruel e Zineb Triki. 118 min. 12 anos.
Um homem precisa informar seu melhor amigo que, com câncer, o colega possui apenas mais três meses de vida. Porém, uma confusão leva o homem doente a entender a situação da forma inversa, como se seu colega saudável estivesse doente, e não ele. Sem coragem para corrigi-lo, a mentira é sustentada enquanto eles tentam se divertir antes que seja tarde demais.
Salas e horários
Leia a crítica

Seberg Contra Todos
Seberg. Reino Unido/EUA, 2019. Direção: Benedict Andrews. Com: Kristen Stewart, Yvan Attal e Gabriel Sky. 102 min. 16 anos.
O drama retrata a atriz americana Jean Seberg, conhecida por filmes do movimento nouvelle vague, como “Acossado” (1960), de Jean-Luc Godard. Ligada a causas sociais como os Panteras Negras, ela chegou a namorar um dos líderes do movimento, o que a tornou alvo de uma campanha difamatória por parte do governo americano durante os anos 1960.
Salas e horários
Leia a crítica

Vou Nadar Até Você
Brasil, 2017. Direção: Klaus Mitteldorf. Com: Bruna Marquezine, Peter Ketnath e Ondina Clais. 107 min. 16 anos.
Criada apenas pela mãe, uma fotógrafa acredita ter finalmente descoberto o paradeiro de seu pai. Ele lhe escreve uma carta e resolve nadar de Santos a Ubatuba para encontrá-lo, mas alguém a segue durante o percurso. Exibido no Festival de Gramado.
Salas e horários
Leia a crítica

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais