Indicada ao Shell, aula-espetáculo 'CérebroCoração' disseca emoção

Peça estreia nesta sexta (24) no Sesc Belenzinho

Amanda Ribeiro
São Paulo

O monólogo “CérebroCoração”, estreia da atriz Mariana Lima na dramaturgia, apresenta-se em um primeiro momento mais como uma palestra do que propriamente como uma peça de teatro. 

Concebido ao longo de sete anos a partir de leituras científicas sobre neurociência e de obras literárias como “Em Busca do Tempo Perdido”, de Marcel Proust, a aula-espetáculo usa artigos e estudos em uma tentativa de dissecar razão e emoção. 

Depois de cumprir temporadas no Rio —onde foi indicado a três prêmios Shell— e em Belo Horizonte, o espetáculo estreia nesta sexta (24) no Sesc Belenzinho.

Dirigida por Renato Linhares e Enrique Diaz, a peça mescla histórias ficcionais às memórias da atriz, que narra ao público questões pessoais como a crise psicológica que atravessou durante o período de pesquisa.

Concebida como uma aula, a peça foi encenada durante o período de ensaios em uma série de escolas públicas do Rio de Janeiro. Confundida muitas vezes com uma palestra real sobre neurociência, a história teve sua versão final costurada a partir de contribuições de alunos e professores.

Sesc Belenzinho - sala de espetáculos 1 - R. Pe. Adelino, 1.000, Quarta Parada, região leste, tel. 2076-9700. 100 lugares. Sex. e sáb.: 21h30. Dom.: 18h30. Estreia sexta (24). Até 23/9. Ingr.: R$ 9 a R$ 30.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais