Descrição de chapéu cinema
Cinema

Continuação de 'Mamma Mia!', o nacional 'O Nome da Morte' e mais oito filmes estreiam

Leia as críticas e assista aos trailers dos longas que chegam aos cinemas nesta quinta (2)

São Paulo

Ana e Vitória
Brasil, 2018. Direção: Matheus Souza. Com: Ana Caetano, Vitória Falcão e Victor Lamoglia. 114 min. 14 anos.
Inspirado em fatos reais, o longa nacional narra a trajetória da dupla de cantoras Anavitória, do Tocantins, desde quando se conhecem em uma festa até alcançarem a fama.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Café
Caffè. Itália/Bélgica/China, 2015. Direção: Cristiano Bortone. Com: Dario Aita, Hichem Yacoubi e Miriam Dalmazio. 110 min. 14 anos.
O filme narra três histórias que se passam em diferentes partes do mundo e que têm um elemento em comum: o café. Na Bélgica, a loja do iraquiano Hamed é saqueada e seu pote de café é roubado. Na Itália, um sommelier se envolve em um assalto a uma fábrica de café. Na China, um jovem gerente é convidado a cuidar de uma fábrica que corre o risco de poluir um vale.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

De Carona Para o Amor
Tout le Monde Debout. França, 2018. Direção: Franck Dubosc. Com: Franck Dubosc, Alexandra Lamy e Elsa Zylberstein. 109 min. 12 anos.
Na comédia romântica francesa, um homem bem-sucedido e mentiroso compulsivo tenta seduzir uma jovem fingindo ser deficiente físico. Quando ele conhece a irmã da moça, que é cadeirante, será difícil sustentar a farsa.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

O Caso do Homem Errado
Brasil, 2017. Direção: Camila de Moraes. 77 min. 10 anos.
O documentário nacional conta a história de Júlio César, um jovem afro-brasileiro que foi executado pela polícia na década de 1980 em Porto Alegre.
Veja as salas e horários de exibição.

 

O Desmonte do Monte
Brasil, 2018. Direção: Sinai Sganzerla. 85 min. 10 anos.
O documentário retrata a história do Morro do Castelo, ponto de fundação da cidade do Rio de Janeiro. Escolhido pelos colonizadores portugueses para ser habitado, o local foi destruído por reformas urbanas com o objetivo de promover a especulação imobiliária.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Hilda Hilst Pede Contato
Brasil, 2018. Direção: Gabriela Greeb. 72 min. 12 anos.
A partir de arquivos pessoais inéditos, o documentário retrata a vida da escritora, poeta e dramaturga Hilda Hilst (1930-2004) na Casa do Sol, chácara onde vivia em Campinas. A escritora foi a homenageada da última edição da Flip.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Mamma Mia! Lá Vamos Nós de Novo
Direção: Ol Parker. Com: Lily James, Amanda Seyfried e Meryl Streep. 114 min. 10 anos.
Na sequência do musical com trilha sonora da banda ABBA, Sophie prepara a inauguração do hotel planejado pela mãe, na Grécia, com a ajuda dos três pais e das amigas de Donna, ao mesmo tempo em que flashbacks narram como a matriarca descobriu aquele lugar.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

O Nome da Morte
Brasil, 2017. Direção: Henrique Goldman. Com: Marco Pigossi, Fabiula Nascimento e André Mattos. 90 min. 12 anos.
Baseado em fatos reais e no best-seller homônimo de Klester Cavalcanti, o filme conta a história de Júlio Santana, homem simples, religioso e pai de família que guardou durante anos um segredo: o assassinato de 492 pessoas.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

A Outra História do Mundo
Otra Historia del Mundo. Uruguai, 2017. Direção: Guillermo Casanova. Com: César Troncoso, Roberto Suárez e Natalia Mikeliunas. 110 min. 12 anos.
Inspirado no romance “Alívio de Luto”, do escritor Mario Delgado Aparaín, o filme se passa em um pequena cidade do Uruguai durante a ditadura. Quando dois amigos resolvem sequestrar a coleção de anões de jardim do novo coronel do vilarejo, o plano dá errado e eles têm que lidar com as consequências.
Leia a crítica do filme.
Veja as salas e horários de exibição.

 

Querido Embaixador
Brasil, 2017. Direção: Luiz Fernando Goulart. Com: Alice Assef, Norival Rizzo e Miriam Mehler. 89 min. 16 anos.
Inspirado em fatos reais, o filme biográfico conta a história de Luiz de Souza Dantas (1876-1954), diplomata brasileiro na França, que, durante a Segunda Guerra Mundial, concedeu vistos para o Brasil para judeus e outras minorias perseguidas pelo nazismo.
Veja as salas e horários de exibição.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais