Descrição de chapéu Cinema
Cinema

'Cry Macho', com Clint Eastwood aos 91 anos na pele de um caubói, estreia nos cinemas de SP

Conheça outros lançamentos da semana, como 'Mate ou Morra', que tem Mel Gibson no elenco

São Paulo

Com uma longa carreira em Hollywood, atuando e também trabalhando como diretor, Clint Eastwood prova que a idade é apenas um detalhe. Em “Cry Macho - O Caminho para a Redenção”, filme que estreia nesta quinta-feira, dia 16, o artista de 91 anos faz mais uma vez a dobradinha na qual dirige a trama e também atua nela.

O faroeste, aliás, é a aposta do Noitão do cinema Petra Belas Artes dsta semana, que terá sua tradicional sessão invadindo a madrugada desta sexta-feira, dia 17, que inicia com o filme de Eastwood às 23h30. O tema da noite, “On the Road”, inspira as escolhas dos outros longas, incluindo um surpresa, todos sobre personagens e suas histórias nas estradas.

Outro destaque que entra em cartaz nesta semana é a sequência “Escape Room 2 - Tensão Máxima”, em que os participantes são obrigados a desvendar códigos e charadas para conseguir fugir de um local fechado para não morrer.

A juventude é tema de outros três lançamentos: “Los Lobos”, sobre a vida de duas crianças imigrantes deixadas sozinhas em casa pela mãe enquanto ela trabalha; “Filho-Mãe”, sobre um menino enviado a um internato; e o nacional “Meu Nome É Bagdá”, que acompanha uma jovem skatista na puberdade e seus questionamentos sobre sua sexualidade.

Caso vá ao cinema, lembre que a variante delta do coronavírus inspira preocupações, a pandemia ainda não foi controlada e é obrigatório usar máscara nas sessões, além de higienizar as mãos sempre que possível e manter o distanciamento.

Estreias

Cry Macho: O Caminho para a Redenção
Clint Eastwood, aos 91 anos, encara mais uma vez o papel de um homem experiente pronto para mudar a vida de um jovem. Em “Cry Macho”, além de conduzir a direção do filme, ele interpreta um caubói disposto a esquecer o seu passado traumático e se dedicar a ensinar um garoto imigrante mexicano a ser uma pessoa melhor.
EUA, 2021. Direção: Clint Eastwood. Com: Clint Eastwood, Dwight Yoakam e Fernanda Urrejola. 12 anos
Leia a cítica


Escape Room 2: Tensão Máxima
Sequência do filme sobre jogos de fugas mortais, a trama acompanha os sobreviventes do primeiro filme, Zoey e Ben, que, desta vez, decidem ir até a empresa que criou as competições e investigar quem está por trás dos desafios. Na continuação da história, eles são colocados com outros quatro competidores em mais uma partida na qual apenas o mais esperto pode sair vivo.
EUA, 2021. Direção: Adam Robitel. Com: Indya Moore, Holland Roden e Logan Miller. 14 anos


Filho-Mãe
Exibido no Festival de Toronto em 2019, o filme fala sobre uma mãe solteira que, durante uma severa crise no Irã, fica incapaz de sustentar seus dois filhos. A saída para os problemas financeiros é um casamento arranjado com um homem rico. Porém, para que isso se realize, ela precisa primeiramente mandar um dos seus filhos para um internato e se separar dele.
República Tcheca e Irã, 2019. Direção: Mahnaz Mohammadi. Com: Raha Khodayari, Mahan Nasiri e Reza Behboodi. 14 anos


Los Lobos
O longa mexicano é uma das produções mais aguardadas da semana. Nele, uma mãe deixa os filhos crianças sozinhos em casa enquanto trabalha. Para que lembrem das obrigações diárias, ela grava algumas regras em uma secretária eletrônica para os meninos ouvirem quando ela não estiver. Isoladas, as crianças ficam cada vez mais insensíveis.
México, 2019. Direção: Samuel Kishi. Com: Martha Reyes Arias, Maximiliano Nájar Márquez e Leonardo Nájar Márquez. 14 anos
Leia a Crítica


Mate ou Morra
Com Mel Gibson, o filme exibe um antigo agente das forças especiais fadado a viver o mesmo dia da sua morte diariamente.
EUA, 2020. Dir.: Joe Carnahan. Com: Annabelle Wallis e Naomi Watts. 16 anos
Leia a crítica


Meu Nome É Bagdá
O filme brasileiro acompanha a vida de uma jovem skatista e suas descobertas sexuais. Foi apresentado nos festivais de Barcelona e do Cairo.
Brasil, 2020. Direção: Caru Alves. Com: Grace Orsato e Karina Buhr e Marie Maymone. 16 anos


Reação em Cadeia
Com o ator e apresentador Marcio Garcia na direção, “Reação em Cadeia” conta as tramoias de um auditor que usa suas habilidades e privilégios para desviar recursos do governo a partir da empresa em que trabalha. Ao iniciar um relacionamento com uma antiga namorada de colégio, também envolvida no crime, ele descobre que sua criatividade no trabalho, na verdade, pode custar a sua vida.
Brasil, 2021. Direção: Márcio Garcia. Com: Bruno Gissoni, Monique Alfradique e André Bankoff. 16 anos

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais