Descrição de chapéu japão
Especial

Conheças as lendas do maneki neko e do daruma, símbolos do Japão

Objetos são comuns em casas e comércios japoneses

Boneco do Daruma sobre uma mesa de madeira
O daruma é símbolo da persistência - Divulgação
 
Sílvia Haidar
São Paulo

Além de restaurantes e atrações culturais, os japoneses trouxeram a São Paulo objetos como o maneki neko e o daruma.

Vistos como talismãs, os bonecos são fáceis de encontrar em lojas da Liberdade, bairro paulistano considerado o maior reduto da comunidade japonesa fora do Japão.

Entenda um pouco sobre a origem desses símbolos orientais.

Maneki neko
Com uma pata levantada e a outra segurando uma moeda, o gato da sorte japonês fica na entrada de casas e lojas para atrair sorte e dinheiro. A lenda mais famosa relacionada ao talismã se passa em Tóquio, quando um nobre viu um gato ao passar por um templo muito simples. Ao se aproximar do animal, um raio atingiu o lugar em que estava antes. Leia mais no blog Gatices. 

Daruma
O boneco vermelho representa um monge que, segundo a lenda, meditou até as pernas atrofiarem e cortou as pálpebras para não dormir. É comum pintar um dos olhos do Daruma, símbolo da persistência, e fazer um pedido. Depois de realizado, pinta-se o outro.

Fonte: Célia Sakurai, autora do livro “Os Japoneses” (Contexto)


 

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais