Descrição de chapéu mostra de cinema
Passeios

Sesc reabre teatros, cinema e mirante com capacidade reduzida e comprovante de vacina

Unidades como Pompeia e Pinheiros terão shows e peças na programação da retomada gradual

-
São Paulo

Depois da retomada no funcionamento dos museus, teatros, cinemas, casas de show, bares e restaurantes de São Paulo, finalmente chegou o momento em que o paulistano poderá frequentar novamente as unidades do Sesc —que, antes da pandemia, eram responsáveis por boa parte da programação cultural da capital.

O retorno, marcado para o dia 15 de outubro, ainda é gradual e não abraça todas as unidades, mas reabre teatros que estão com as portas fechadas desde o começo da pandemia da Covid-19, em março do ano passado. Desde então, o Sesc só manteve em andamento as atividades físico-esportivas, as comedorias e as bibliotecas, além de promover algumas exposições.

Apesar de as novas regras da quarentena na cidade permitirem o funcionamento de locais com 100% de sua capacidade —desde que mantenham o distanciamento de um metro entre as cadeiras e outras medidas, como o uso da máscara e a distribuição de álcool em gel— o Sesc decidiu preencher, ao menos por enquanto, apenas 30% de sua lotação em cada evento.

Teatro do Sesc Pompeia, na zona oeste da cidade de São Paulo
Teatro do Sesc Pompeia, na zona oeste da cidade de São Paulo - Daigo Oliva/Folhapress

As unidades de São Paulo escolhidas para integrar a reabertura gradual são as de Pinheiros, Pompeia, Consolação e Vila Mariana, que receberão shows, peças e espetáculos de dança e circo. Também reabrirão as portas as sedes de Guarulhos, Santos, Rio Preto e Jundiaí.

A terceira edição do Sesc Jazz, que promoverá mais de 20 shows entre os dias 15 e 31 de outubro, puxa o retorno da programação. Entre os artistas confirmados aparecem o pianista Amaro de Freitas, a banda de afrobeat Funmilayo Afrobeat Orquestra e Hamilton de Holanda. Os shows também serão transmitidos ao vivo pelos canais virtuais do Sesc.

Outra novidade é o retorno do CineSesc, que volta com sua programação no dia 21 para exibir parte dos filmes da 45ª edição da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo —marcada para começar de forma híbrida nesta data. O mirante do Sesc Avenida Paulista também já funciona com visitas agendadas e com duração de 30 minutos. Os ingressos para o passeio são disponibilizados sempre às sextas-feiras, às 13h, pelo site ou aplicativo do Sesc.

Além da capacidade reduzida, outra iniciativa para diminuir os riscos de contágio é a obrigatoriedade dos comprovantes digitais ou físicos de vacinação contra o coronavírus, com ao menos uma dose, a partir desta segunda-feira (4). Também haverá prioridade para as compras de ingressos online, que estarão disponíveis a partir do dia 12 de outubro. Presencialmente, apenas a bilheteria do Sesc que for receber o evento venderá os ingressos —as vendas físicas começam no dia 13.

As unidades campestres do Sesc, Interlagos e Itaquera, são as únicas que passarão a receber o público sem agendamento prévio, mas ainda assim terão capacidade limitada. Nessas, funcionarão áreas para corrida, caminhada e banho de sol.

CineSesc
R. Augusta, 2.075, Cerqueira César

Sesc Avenida Paulista
Av. Paulista, 119, Bela Vista

Sesc Consolação
R. Dr. Vila Nova, 245, Vila Buarque

Sesc Interlagos
Av. Manuel Alves Soares, 1.100, Parque Colonial

Sesc Itaquera
Av. Fernando Espírito Santo Alves de Mattos, 1.000, Itaquera

Sesc Pinheiros
R. Paes Leme, 195, Pinheiros

Sesc Pompeia
R. Clélia, 93, Pompeia

Sesc Vila Mariana
R. Pelotas, 141, Vila Mariana

Veja mais detalhes e a programação em sescsp.org.br e sescsp.org.br/sescjazz

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais

Mais lidas