Descrição de chapéu teatro
Teatro

Monólogo adapta 'O Anão', de Pär Lagerkvist

Espetáculo estreia no Sesc Pompeia

Luis Mármora em cena do espetáculo "Meia-Meia"
Luis Mármora em cena do espetáculo "Meia-Meia" - Lenise Pinheiro/Folhapress
Maria Luísa Barsanelli
São Paulo

"O Anão" (1944), romance do escritor sueco Pär Lagerkvist, Nobel de Literatura, é um retrato da maldade do ser humano e de sua pequenez. Acabou servindo bem de metáfora para o ator Luís Mármora falar sobre o poder e o lado mesquinho do homem.

Chegou a "Meia-Meia", sua adaptação do livro e também o primeiro monólogo do ator que assina a dramaturgia da peça ao lado de Vadim Nikitin e Georgette Fadel.

Na montagem, dirigida por Fadel e por Juliana Jardim, Mármora interpreta um anão movido pela maldade e pela sede de poder, que vive nos subterrâneos de um castelo. Sedutor e adorador da guerra, manipula a família real, conduzindo os monarcas e seus aliados à ruína.

Sesc Pompeia - R. Clélia, 93, Água Branca, região oeste, tel. 3871-7700. 40 lugares. Qui. a sáb.: 21h30. Dom.: 18h30. Até 11/11. Ingr.: R$ 6 a R$ 20. Ingr. p/ sescsp.org.br.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais