Público pode filmar e tirar fotos durante peça que fala sobre moral

Sabe aquele aviso de "não filmar ou fotografar o espetáculo"? Foi banido. Pelo menos na peça "Serpente Verde, Sabor Maçã", que retorna a São Paulo em 3 de agosto, com sessões às quintas e sextas-feiras, no Parlapatões (centro).

A ideia foi da atriz e produtora Angela Figueiredo, que pretende, desse modo, aumentar a divulgação da peça, já que o público gosta de postar essas fotos e vídeos nas redes sociais. Mas sem flash, claro. A iniciativa também serve de estímulo para os atores, já que todas as cenas podem ser registradas pela plateia.

Atores Luna Martinelli (esq), Lulu Pavarin (centro) e Fernando Fecchio em cena de "Serpente Verde, Sabor Maçã"
- Crédito: Lenise Pinheiro/Folhapress

A comédia, escrita por Jô Bilac e Larissa Câmara, e encenada pela Cia. das Trevas, fala sobre a misteriosa Senhora G, que oferece xícaras de chá para suas visitas e que, a partir do julgamento sobre cada uma, pode transformar o encontro em algo fatal.

A peça mistura drama, comédia e humor negro para falar sobre moral, com personagens em crise e sem pudor. A direção é de Lavínia Pannunzio, e o elenco conta com Angela Figueiredo, Lulu Pavarin, Luna Martinelli e Fernando Fecchio.

Parlapatões - praça Franklin Roosevelt, 158, centro, São Paulo, SP. Tel.: 0/xx/11/3258-4449. Estreia: 3/8. Até: 31/8. Qui. e sex.: 21h. Duração: 70 minutos. Ingr.: R$ 15 e R$ 30. Não recomendado para menores de 14 anos.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais