Descrição de chapéu teatro
Teatro

Peça de Pedro Granato cria distopia à brasileira no CCSP

'Distopia Brasil' estreia nesta sexta (29) no CCSP

Cena de “Distopia Brasil", de Pedro Granato
Cena de “Distopia Brasil", de Pedro Granato - José de Holanda/Divulgação
Clara Balbi
São Paulo

Se em sua última montagem, “11 Selvagens”, de 2018, Pedro Granato buscou traduzir para os palcos o clima de tensão e violência no cotidiano brasileiro atual, no espetáculo que o diretor estreia nesta sexta (29) no CCSP ele se propõe a imaginar o futuro do país.

Um futuro, já anuncia o título de “Distopia Brasil”, sem esperanças. Bebendo da fonte de ícones do gênero, como “1984”, de George Orwell, e “O Conto da Aia”, de Margaret Atwood, a peça colaborativa explora situações como a intervenção militar no Rio de Janeiro e o avanço da religião sobre o poder do Estado.

A plateia tampouco fica de fora. Filmada o tempo todo, ela é intimada a aplaudir discursos, rezar e julgar um casal lésbico na peça.

CCSP - R. Vergueiro, 1.000, Liberdade, região central, tel. 3397-4002. 200 lugares. Sex. e sáb.: 21h. Dom.: 20h. Estreia sex. (29). Até 21/4. Retirar ingr. uma hora antes. GRÁTIS 

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais