Descrição de chapéu teatro
Teatro

Ópera fora do convencional estreia no Theatro São Pedro

'Ritos de Perpassagem' fica em cartaz por apenas dois dias

Manuela Tecchio
São Paulo

Pitágoras, Kepler, os neutrinos e os rituais de transição da humanidade se encontram nesta ópera contemporânea e nada convencional, escrita pelo brasileiro Flo Menezes. 

Batizada de “Ritos de Perpassagem” e definida pelo autor como uma “neutrinópera em dois trans-atos”, o espetáculo conta com recursos multimídia, como projeções de videomapping e legendas. 

Na verdade, foge do comum em praticamente tudo. Por exemplo, no posicionamento dos músicos da orquestra, que não ficam no fosso, e nas linhas narrativas, que não têm início, meio ou fim.

Dois vanguardistas ficam à frente da direção. Na parte cênica, Marcelo Gama, brasileiro radicado na Áustria, que acumula importantes festivais de teatro europeus no currículo, assume o comando. 

Já Ricardo Bologna, timpanista da Osesp que já esteve à frente de filarmônicas na Europa e nos Estados Unidos, desta vez assume a batuta da Orquestra do Theatro São Pedro. O Coro Contemporâneo de Campinas e artistas convidados completam o time.

Com estreia marcada para esta sexta (27), no Theatro São Pedro, a montagem faz sua estreia mundial em curtíssima temporada e fica em cartaz só até domingo (29).

Theatro São Pedro - R. Dr. Albuquerque Lins, 207, Santa Cecília, tel. 3661-6600. 636 lugares. Sex. e sáb.: 20h. Dom.: 17h. Estreia sex. (27). Até 29/9. Ingr.: R$ 30 a R$ 80 p/ theatrosaopedro.byinti.com. 

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais