Saiba quais bares estão com o salão aberto em São Paulo

Casas adaptam serviço, espaço e menus para poder funcionar na fase amarela da quarentena

-
São Paulo

Desde o dia 6 de julho, bares e restaurantes da capital paulista estão autorizados a receber a clientela para consumo interno —sob algumas condições.

Entre as medidas impostas pelo Plano SP para a reabertura nesta fase da quarentena, batizada de amarela, duas têm gerado reclamações dos donos de bares —apesar de o consumo de bebidas alcoólicas não ter sido proibido.

Os estabelecimentos podem manter a operação nos salões por no máximo seis horas por dia e apenas até as 17h. O que impede, por exemplo, as happy hours. A não ser que a casa esteja dentro de shoppings centers, cujo funcionamento é permitido das 16h às 22h. Além disso, o uso das calçadas para consumo está proibido até a conclusão desta edição.

Com isso, são muitos os endereços que permanecem fechados. Mas há quem tenha adaptado salões e serviço para poder abrir. Além de manter a entrega via delivery, muitos investem no almoço e apostam no movimento aos finais de semana. Conheça, abaixo, alguns dos lugares que estão com salões abertos.

A Dama e os Vagabundos
O bar reabre o salão neste sábado (25), com funcionamento restrito para os fins de semana e atendimento para, no máximo, 20 pessoas —que deverão permanecer sentadas. O uso de máscara é obrigatório, assim como a verificação da temperatura. O formato do menu também mudou para o momento: agora, a casa serve três modalidades de menu-degustação, um carnívoro (R$ 120), um vegetariano (R$ 100) e um misto (R$ 110). Cada combinado serve duas pessoas. É recomendável reservar a mesa para, no máximo, seis pessoas.
R. Souza Lima, 43, Barra Funda, região central. Sáb. e dom.: 11h às 17h. Reservas pelo WhatsApp (11) 99674-4004.

Astor
Clássico da Vila Madalena, tem uma versão mais moderninha no shopping JK Iguatemi. As duas unidades estão com os salões abertos: a de rua funciona até as 17h e a do centro comercial, no período noturno, até as 22h. Entre as medidas adotadas, estão distanciamento de 2 m entre as mesas, checagem diária de condição de saúde dos funcionários, cardápios digitais e dispensador de álcool em gel em cada uma das mesas.
R. Delfina, 163, Vila Madalena, região oeste, tel. (11) 5555-2351. Seg. a dom.: 12h às 17h. Delivery pelo tel. (11) 5555-2351, via iFood e Rappi. Seg. a qui.: 11h às 16h30 e 17h20 às 22h. Sex. a dom.: 11h às 22h.

Bar do Vital
O bar voltou a atender presencialmente com cerca de 20 pessoas no local, no máximo. Dispensadores de álcool em gel ficam disponíveis no salão. De segunda a sexta, a casa oferece almoço e, aos sábados, o festival de petiscos (R$ 28,50 por pessoa), que deve ser agendado previamente. O bar da Consolação também segue trabalhando com delivery e retirada.
R. Fernando de Albuquerque, 26, Consolação, região central, tel. (11) 98754-9923 (também WhatsApp). 20 lugares. Seg. a sáb.: 11h às 17h. É necessário reserva para sábado. Retirada.: seg. a sab.: 11h às 17h.

Eu, Tu, Eles
No momento, só a unidade da região da Paulista do badalado bar está recebendo os comensais. Há um totem de álcool em gel instalado na entrada, além de dispensadores nas mesas. O uso de máscara é obrigatório para todos —a casa disponibiliza uma versão descartável para quem tiver esquecido o item. O destaque agora é o almoço, servido durante a semana, além de porções e pizza aos sábados e domingos.
Al. Joaquim Eugênio de Lima, 612, Jardim Paulista, região oeste, tel. (11) 2594-1589. Qua. a dom.: 11h às 17h.

Fuad
O bar de esquina diminuiu a capacidade do salão para receber a clientela —que tem a temperatura conferida antes de entrar na casa, assim como os funcionários, que usam máscaras, luvas e protetor facial e higienizam as mesas sempre que alguém chega. Guardanapos e azeite agora ficam em sachês. O cardápio é digital e há uma lista de transmissão com os pratos do dia para os comensais cadastrados.
R. Martim Francisco, 244, Vila Buarque, região central. Seg. a dom.: 12h às 17h. Delivery pelo tel. (11) 3825-1031, via WhatsApp (11) 99685-9796 ou iFood.

Genuíno
Tem quintal arborizado e teto retrátil. Entre as medidas adotadas pelo bar, estão o uso obrigatório de máscaras —inclusive durante a espera do pedido— e temperatura verificada na entrada. Além disos, tem álcool em gel disponível em vários pontos e cardápio digital, acessível via QR Code ou nos tablets da casa. Mantém a operação do delivery, com entrega própria ou via aplicativo. A dica para comer é a feijoada, prato do dia às quartas e aos sábados.
R. Joaquim Távora, 1.217, Vila Mariana, região sul, tel. (11) 5083-4040. Qua. a dom.: 12h às 17h. Delivery via iFood ou Uber Eats. Ter. a dom.: 11h30 às 16h30.

Guarita
O bar irá acomodar no máximo 30 pessoas sentadas nesta fase da reabertura. Funcionários usam máscara e proteção facial. No salão, o protocolo inclui maior distância entre as mesas, caixas com barreira de proteção de acrílico, dispensador de álcool em gel nas mesas e cardápio acessível por QR code. Até o início de agosto, a casa também vai servir os hambúrgueres do Guarita Burger, cuja loja fica no Baixo Augusta.
R. Simão Álvares, 952, Pinheiros, região oeste, tel. (11) 3360-3651. Qui. a dom.: 12h às 17h. Delivery ou retirada: qua. a dom.: 18h às 23h. Também no iFood e Rappi.

G&T Bar
Pioneiro, o bar dedicado exclusivamente ao gim-tônica foi criado lá em 2016 e retoma as atividades em horários especiais e capacidade reduzida enquanto durar a quarentena. Por alí, é possível escolher entre 300 variações da bebida.
Rua Oscar Freire, 604, Jardim Paulista, região oeste, tel. 99393-5388. Qui. e sex.: 12h às 17h. Sáb. e dom.: 11h às 17h.

Ici Brasserie
A unidade da casa no shopping JK Iguatemi, que combina cozinha casual francesa à tradição cervejeira, é uma das opções para quem quer bebericar durante a noite. A capacidade do salão foi reduzida, com ampliação do distanciamento entre as mesas, que contam com dispensadores de álcool em gel. Os cardápios são acessíveis pelo celular e os funcionários têm as condições de saúde conferidas diariamente.
Shopping JK Iguatemi - Av. Pres. Juscelino Kubitschek, 2.041, Vila Olímpia, tel. (11) 3078-1313. Seg. a sex.: 18h às 22h. Sáb e dom.: 16h às 22h.

Original
Chopes e caipirinhas são as pedidas neste clássico da região de Moema, cujos salões estão abertos apenas de sexta a domingo —nos demais dias, oferece delivery. Entre as medidas adotadas, estão a redução da capacidade do salão, com maior distanciamento entre as mesas. O uso de máscaras é obrigatório para os clientes e a equipe; e a casa tem funcionários dedicados a higienização de utensílios e superfícies.
R. Graúna, 137. Vila Uberabinha, região sul, tel. (11) 5093-9486. Sex. a dom.: 12h às 17h. Delivery via Rappi. Ter. a dom.: 12h às 20h.

O Pasquim
Na entrada, os clientes têm a temperatura medida e recebem saquinhos para a guarda das máscaras. A distância entre as mesas foi ampliada e cada uma delas têm seu dispensador de álcool em gel. Os cardápios estão disponíveis digitalmente e as maquininhas de cartão são esterilizadas a cada uso. A casa criou um esquema que batizou de bar office: de quarta a sexta, é possível usar o espaço do salão para trabalhar por R$ 49,99. O valor inclui água, café e cerveja.
R. Aspicuelta, 524, Vila Madalena, região oeste, tel. (11) 2373-1012. Seg. a dom.: 11h às 17h.

Pirajá
Cantinho carioca em São Paulo, o bar está com todas as unidades abertas —o Prainha do Itaim Bibi volta a operar na terça (21). Os endereços de rua funcionam das 12h às 17h e os que estão em shoppings, no período noturno. Já os protocolos adotados são os mesmos, e incluem: mesas em áreas ventiladas com distanciamento de 2 m entre si; checagem diária de condições de saúde dos funcionários e menus acessíveis pelo celular.
Shopping Eldorado - Av. Rebouças, 3.970, Pinheiros, região oeste, tel. (11) 2197-6066. Seg. a dom.: 16h às 22h. Também no iFood.

Porto Luna
O negócio, que ocupa um imóvel bem arejado na região da Faria Lima, recebe o público de quinta a domingo. O menu foi reduzido e agora tem apenas 17 itens, com destaque para o steak tartare e o filé au poivre. Além da diminuição da quantidade de mesas, agora os temperos, guardanapos e talheres são embalados individualmente. A casa disponibiliza máscaras descartáveis para os clientes que tiverem esquecido o item.
R. Min. Jesuíno Cardoso, 291, Itaim Bibi, região sul, tel. (11) 2533-7436. Qui. a dom.: 11h às 17h.

Regô
O bar retomou o atendimento presencial às sextas e aos sábados, com maior distância entre os lugares, medidor de temperatura corporal, tapete antibacteriano na entrada e dispensadores de álcool em gel. Os funcionários estarão paramentados com máscaras e luvas. No espaço, ficam no máximo 15 pessoas por vez. Os coquetéis também estão disponíveis por delivery ou retirada no local. Entre as receitas oferecidas, o negroni sai por R$ 25.
R. Rego Freitas, 441, República, região central, tel. 96252-0884 (também WhatsApp). 15 lugares. Sex. e sáb.: 12h às 17h. Delivery: ter. e qui.: pedidos até as 15h30 serão entregues a partir das 16h. Sex. e sáb.: pedidos até as 16h30 serão entregues a partir das 17h.

Salve Jorge
Se a unidade da casa no centro da capital é famosa pela happy hour, no momento a prioridade é o almoço —com maior atenção às medidas sanitárias. A capacidade do salão foi reduzida em mais de 50%, e todas as mesas contam com álcool em gel. Antes de entrar, a clientela tem a temperatura aferida. O uso de máscaras é obrigatório para comensais e funcionários, que também usam luvas.
Pça. Antônio Prado, 33, Centro, região central, tel. 3107-0123. Seg. a sáb.: 12h às 15h30.

Tatu Bola
Para a reabertura, todos os funcionários participaram de treinamento sobre os protocolos. Além disso, todos usarão máscara, protetor facial e luvas. Há dispensadores de álcool em gel na entrada e nas mesas, a uma distância de 2 m entre si. Máscaras descartáveis serão oferecidas para os clientes que estiverem sem. Uma novidade é que a casa agora oferece almoço, com destaque para a feijoada, servida às quartas, sábados e domingos.
R. Clodomiro Amazonas, 202, Itaim Bibi, região sul, tel. (11) 2539-9071. Qua. a dom.: 11h às 17h.

Vero!
A casa trouxe uma novidade para se adaptar ao horário da reabertura: brunch aos sábados e domingos. Outras mudanças incluem a medição de temperatura dos clientes, álcool em gel em todas as mesas, que estão com dois metros de distância, cardápio em QR code e funcionários usando máscara e protetor facial.
Pça. dos Omaguás, 62, Pinheiros, região oeste, tel. (11) 97482-3451. Sex. a dom.: 11h às 17h.

Zillis Bar Lounge & Restaurante
Na retomada do atendimento presencial, as mesas terão capacidade máxima de seis pessoas. No buffet onde as refeições são servidas há dispensadores de álcool em gel e é feito um monitoramento para garantir o distanciamento adequado. O restaurante conta também com uma área ao ar livre. Até o dia 31 de agosto, a feijoada, aos sábados, e o bruch, aos domingos, estão com 20% de desconto.
Av. Ibirapuera, 2.927, Indianópolis, região sul, tel. (11) 2161-2228. Seg. a sex.: 12h às 15h. Sáb. e dom.: 12h às 16h.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais