Descrição de chapéu teatro
Dança

Coreografia 'Tríptico Sertanejo' investiga lendas do sertão

Espetáculo da Dual Cena Contemporânea faz apresentações no Teatro Sérgio Cardoso

Cena de 'Tríptico Sertanejo', da Dual Cena Contemporânea
Cena de 'Tríptico Sertanejo', da Dual Cena Contemporânea - Alicia Peres/Divulgação
Amanda Ribeiro
São Paulo

Guiado pela frase “O sertão está em toda parte”, do escritor mineiro Guimarães Rosa, a nova coreografia da Dual Cena Contemporânea navega pelos mitos e tradições nordestinas para investigar a imagem do sertão. Dividido em três partes, o espetáculo “Tríptico Sertanejo” faz duas apresentações na quarta (7) e na quinta (8) no Teatro Sérgio Cardoso.

A coreografia é dividida em três atos, conectados por um boi encantado inspirado na história folclórica do bumba-meu-boi. Ele narra as lendas do cangaço, a destruição causada pela Guerra de Canudos e a tradição cultural dos tropeiros. As histórias são povoadas de personagens míticos como centauros, homens com as cabeças cortadas, guerreiros e profetas.

Teatro Sérgio Cardoso - R. Rui Barbosa, 153, Bela Vista, tel. 3288-0136. 144 lugares. Qua. e qui.: 20h. Até 8/11. 55 min. Ingr.: R$ 20.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais