12º Visões Urbanas apresenta uma série de espetáculos de dança gratuitos

Evento tem presença de companhias brasileiras, belgas, italianas, ucranianas e americanas

Amanda Ribeiro
São Paulo

A partir desta sexta (5), grupos de dança brasileiros, belgas, italianos, ucranianos e americanos ocupam os espaços culturais da cidade com uma série de espetáculos gratuitos. Com o objetivo de difundir a dança contemporânea, o 12º Festival Visões Urbanas apresenta 15 coreografias até 19/4.

O recorte curatorial desta edição privilegia artistas que já têm uma carreira consolidada. Entre os destaques estão Luis Arrieta (Brasil), a Cia. de Danças de Diadema (Brasil) e a Maida Dance Construction Company (EUA/Ucrânia). 

Os espetáculos ocorrem no Vale do Anhangabaú, na Casa das Rosas, no Instituto Italiano di Cultura e nos Sescs Santo Amaro e Campo Limpo.

Quem abre a programação, na sexta (5), no Vale do Anhangabaú, é “Outono”, do grupo italiano Arearea. A coreografia traça um paralelo entre a mudança de estação e as transformações na vida.

Destaques da programação

• Outono (Cia. Arearea)
Vale do Anhangabaú, s/nº, Anhangabaú. Sex. (5): 17h. Instituto Italiano di Cultura - Av. Higienópolis, 436, Higienópolis. Sáb. (6): 11h10. 

• Primeiro Umbral, Segundo Umbral, Terceiro Umbral (Luis Arrieta)
Instituto Italiano di Cultura - Sáb. (6): 11h. Casa das Rosas - Av. Paulista, 37, Bela Vista. Dom. (7): 11h. Sesc Santo Amaro - Rua Amador Bueno, 505, Santo Amaro. Sex. (12): 20h. 

Transformações - O Tempo do Corpo (Dorothy Lenner, Brasil)
Casa das Rosas - Sáb. (6): 17h. Sesc Santo Amaro - Sex. (12): 20h10.

• Red Blue White Black & Orange
Vale do Anhangabaú - Sex. (5): 18h. Casa das Rosas - Sáb. (6): 16h. 

Confira a programação completa em visõesurbanas.com.br

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais