Cenário com balões e bolhas dá tom futurista ao espetáculo "Borbulho"

Para falar sobre a criação do mundo e o contínuo estado de metamorfose da humanidade, o espetáculo "Borbulho" leva ao palco da Caixa Cultural São Paulo (centro da capital) uma série de bolhas e balões que representam a Lua, o Sol e os planetas.

As sessões serão realizadas de quinta-feira (dia 17) a sábado (19), com entrada gratuita.


O cenário flutuante dá um tom futurista e surreal à coreografia, que utiliza como base a Teoria de Gaia --na qual a simbiose entre os seres é condição para a evolução das espécies.

A apresentação mostra o desejo e a capacidade de adaptação desses seres, além de abordar questões sociais e ambientais.

O projeto é da companhia Chameckilerner, premiada internacionalmente e criada em 1993 pelas coreógrafas curitibanas Rosane Chamecki e Andréa Lerner.

Informe-se sobre o evento

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais

Mais lidas