De Star Wars a Quentin Tarantino: conheça 16 hamburguerias temáticas em SP

Casas investem em esportes, cultura pop, música e épocas passadas para atrair clientes

Amanda Ribeiro Leonardo Sanchez
São Paulo

​A inauguração da hamburgueria Vassoura Quebrada —inspirada no mundo da magia e em elementos que também deram origem à saga Harry Potter—, no dia 31/7, tem levado os fãs do bruxo a formar filas de espera intermináveis em Perdizes.

A proposta da casa, no entanto, não é inédita: ao longo da última década, diversos restaurantes temáticos têm pipocado pela cidade. E, por ser uma refeição informal, que dispensa requintes, o hambúrguer foi adotado como a estrela do cardápio de muitos desses locais.

Pegando carona na paixão dos geeks por cultura pop, muitas sanduicherias investem no universo do cinema, como é o caso da Jeti’s Burger e Grill e da Big Kahuna Burger, que homenageiam, respectivamente, o gênero de ficção científica e o diretor americano Quentin Tarantino.

Mas o leque de temas é mais abrangente: há quem prefira fazer referência à música —como a Jazz Restô e Burgers— ou se basear em esportes —caso da inusitada The Pitchers, voltada a fãs de beisebol. Épocas passadas também geram fascínio, como provam a Zé do Hambúrguer e outras diversas hamburguerias paulistanas inspiradas nos anos 1950.

O Guia criou então um roteiro com 16 locais nos quais é possível saborear bons sanduíches e, ao mesmo tempo, ter uma experiência diferente em ambientes decorados que remetem a outros universos. Bom apetite!

 

Big Kahuna Burger
Fundada em 2013, a hamburgueria é inspirada no universo repleto de violência, sangue e reviravoltas tragicômicas do cineasta americano Quentin Tarantino. Nas paredes, há cartazes, fotos e desenhos que fazem referência aos longas do diretor. O nome do espaço também é uma homenagem: é o mesmo da rede de hamburguerias citada em filmes como “Cães de Aluguel” (1992) e “Pulp Fiction” (1994). Os pratos, é claro, também remetem às obras do cineasta: há sanduíches como o Royale with Cheese (R$ 20,80 o pequeno; R$ 24,80 o grande), hambúrguer com queijo cheddar e maionese, de “Pulp Fiction”, que pode ser acompanhado pelo Five-Dollar Shake (sorvete de chocolate branco com camadas de Ovomaltine, calda de chocolate e chantili; R$ 21,80 o pequeno; R$ 26,80 o grande), degustado por Uma Thurman no mesmo filme.
Al. Lorena, 53, Jardim Paulista, região oeste, tel. 3051-6268. 78 lugares. Ter. a qui.: 12h às 15h e 19h às 23h. Sex.: 12h às 15h e 19h às 24h. Sáb.: 13h às 24h. Dom.: 13h às 23h.

Castro Burger
O preconceito passa longe desta hamburgueria na Vila Mariana. Voltada ao público LGBT, a casa tem ambiente acolhedor, inspirado na cultura queer e na cidade de São Francisco, famosa pelo ativismo nos anos 1960 e 1970 —Castro, inclusive, é o nome de um de seus bairros. Fotos e suvenires californianos acompanham decorações como um altar em homenagem a ícones LGBT (como Laverne Cox, Ellen DeGeneres e Ney Matogrosso), um varal com bibelôs de sereios descamisados e bandeiras do arco-íris. No menu, as porções homenageiam hinos gays (“Believe”, da Cher, foi o nome escolhido para as batatas fritas com molho de frutas com curry e leite de coco; R$ 17,90), enquanto as bebidas fazem referência ao vocabulário queer (o suco Miga, Sua Loca!, por exemplo, é feito com morango, limão e mel; R$ 9,80). Já os hambúrgueres são batizados com nomes de pontos turísticos de São Francisco, caso do Golden Gate (160 g de carne bovina com queijo prato, alface, tomate e maionese de ervas; R$ 26,90).
R. Joaquim Távora, 1.517, Vila Mariana, região sul, tel. 5083-1142. 80 lugares. Ter. a qui.: 18h às 24h. Sex.: 18h às 2h. Sáb.: 12h às 2h. Dom.: 12h às 24h. Valet a partir de R$ 20.

The Circus Burger
Em um caminhão vermelho são preparados hambúrgueres suculentos e milk-shakes de sabores incomuns, como maracujá, macchiato e bolo red velvet. Apesar de ter ponto fixo desde 2016, a hamburgueria, que já foi food truck, optou por manter a cozinha móvel, para conversar melhor com a temática da casa. Inspirada no circo, a sanduicheria fica sob uma lona, na qual luzinhas são penduradas. Uma bilheteria típica dos espetáculos itinerantes serve de caixa, onde são vendidos lanches como o Clown Burger, feito com dois discos de carne de 100 g cada, queijo prato, picles, cebola e molho secreto (R$ 28). Já na seção do menu batizada de Show de Abertura aparecem entradas como fritas, tiras de frango e palitos de queijo.
R. Mte. Serrat, 1.298, Tatuapé, região leste, tel. 3213-4826. Ter. a sex.: 18h às 23h. Sáb.: 12h às 23h. Dom.: 13h às 22h.

Garage Burger
Os amantes de automobilismo já sabem onde fazer o próximo pit stop. Com decoração que remete a corridas de carros —de campeonatos de kart até a F-1—, a hamburgueria tem capacetes, uniformes e peças de veículos para adornar o salão. Os sanduíches são servidos sobre um jogo americano com textura de pneu e no cardápio estão opções como o Ferrari, um blend de picanha e pepperoni acompanhado de mozarela de búfala, molho tártaro, tomate e manjericão (R$ 34,90). Também é possível montar seu próprio hambúrguer, basta escolher a proteína e os acessórios que irão acompanhá-la, como shimeji e bacon. Videogames de corrida (R$ 2, a ficha) espalhados pela casa completam a diversão.
Av. Prof. Luís Ignácio Anhaia Mello, 1.501, Vila Prudente, região leste, tel. 2274-6968. 110 lugares. Seg. a qui. e dom.: 12h às 24h. Sex. e sáb.: 12h às 2h. Estac. a partir de R$ 3. 

Jazz Restô & Burgers
Saxofones e trompetes na parede, apresentações de música ao vivo e sanduíches nomeados a partir de grandes músicos dão o tom à hamburgueria da Vila Mariana, que homenageia o jazz. Os clientes se apinham nas cadeiras coloridas dispostas em torno do palco, onde músicos tocam temas do gênero. Para acompanhar o som, peça sanduíches como o Miles Davis (R$ 34), hambúrguer bovino com molho de queijo gorgonzola e salada no pão australiano.
R. Vergueiro, 2.080, Vila Mariana, região sul, tel. 2369-1473. 300 lugares. Seg. a qui.: 11h30 às 15h e 17h às 23h. Sex.: 11h30 às 15h. Sáb.: 19h às 24h. Dom.: 12h às 23h. Valet R$ 20.

Jeti’s Burger e Grill
Os clientes que entram pela grande porta redonda da hamburgueria são transportados para uma nave espacial. Lá dentro, janelas de mentirinha mostram batalhas, planetas e estrelas, como se os visitantes estivessem em um longa da saga Star Wars. Era essa a ideia original da casa, que precisou mudar de nome e retirar qualquer menção direta à franquia em 2016, devido a direitos autorais. Mas algumas referências discretas continuam por ali, como é o caso dos sanduíches feitos com pães nas cores dos sabres de luz da trama intergaláctica: vermelho, azul e verde. Entre as opções está o Pic Cheese Onion Rings, feito com ha mbúrguer de picanha de 150 g, molho de queijo, barbecue, anéis de cebola, bacon, alface e tomate em um pão vermelho (R$ 32,90). Experimente a soda italiana (R$ 9,90), que chega à mesa borbulhando, o que contribui para o clima de filme de ficção científica.
R. Verbo Divino, 1.194, Chácara Santo Antônio, tel. 2387-2552. 90 lugares. Seg. a qui. e dom.: 11h às 24h. Sex. e sáb.: 11h à 1h.

 

Nico Hamburgueria
Pense em algum seriado ou filme que tenha sido lançado antes dos anos 1990. “Os Flinstones”? “Looney Tunes”? “E.T. - O Extraterrestre”? Independentemente do que vier à sua cabeça, são grandes as chances de haver um boneco de um dos personagens da obra na Nico Hamburgueria. A casa, que tem brinquedos espalhados por todos os lugares, incrementa o clima nostálgico de infância homenageando personagens famosos em seus hambúrgueres. O Patolino, por exemplo, leva hambúrguer de picanha, cheddar, bacon, cebola e molho barbecue (R$ 35,20).
R. Cisplatina, 31, Ipiranga, região sul, tel. 2062-8000. 102 lugares. Ter. a qui.: 18h30 às 24h. Sex.: 12h às 15h e 18h30 à 1h. Sáb.: 12h à 1h. Dom.: 12h às 24h. Valet R$ 22. 

Road Burger 
Outra parada para os fãs de automóveis, a hamburgueria, inaugurada em 2006, tem ar vintage e é decorada com motos, bombas de gasolina, placas de trânsito e antigos anúncios de veículos. No cardápio, fabricantes de motocicletas dão nome aos sanduíches, como é o caso do Ducati, um hambúrguer de 160 g com queijo gorgonzola, rúcula, tomate, cebola-roxa e maionese, que acompanha batata frita com parmesão (R$ 39).
R. Ibipetuba, 204/210, Parque da Mooca, região leste, tel. 2061-8176. 200 lugares. Seg. a qui. e dom.: 12h às 23h. Sex. e sáb.: 12h às 24h. Estac. (grátis). 

Taverna Medieval
Seja servido por guerreiros e magos, tome poções do amor e hidromel e deguste um belo hambúrguer dentro de um barco viking nesta casa que imita os tempos medievais. No cardápio, alguns itens são preparados com ingredientes e métodos disponíveis na Idade Média, como o Kraken (R$ 32), que leva salmão cru curado com molho de dill, pepino japonês, cebola-roxa e gergelim. Para a foto, use um dos capacetes vikings que são deixados sobre as mesas e visite as masmorras, área inaugurada há cerca de dois meses que imita um calabouço. 
R. Gandavo, 456, Vila Clementino, região sul, tel. 4114-2816. 200 lugares. Ter. a qui. e dom.: 18h às 23h. Sex. e sáb.: 18h à 1h.

 

The Burger Map
Os donos desta hamburgueria em Santo André costumam viajar aos Estados Unidos para estudar novas receitas para o cardápio. Foi por causa da última visita da dupla ao país que o menu da casa, fundada em 2010, passou por mudanças. Nele, aparecem sanduíches que representam os 50 estados que constituem o território americano. Uma das novidades é o Frita Burger (R$ 29), encontrado na Flórida e preparado com tempero cubano e batata palha caseira. Sucessos antigos da casa, como o Butter Burger (inspirado no Wisconsin e servido com queijo americano sob uma espessa camada de manteiga; R$ 29), seguem no cardápio. As particularidades de cada estado ainda estão presentes na decoração, repleta de mapas e de suvenires.
R. das Aroeiras, 442, Jardins, Santo André, tel. 4468-1802. 100 lugares. Seg. a qua.: 18h às 23h. Qui.: 12h às 15h e 18h às 23h. Sex.: 12h às 15h e 18h às 24h. Sáb.: 12h às 24h. Dom.: 12h às 23h. Valet R$ 20.

The Pitchers
As flâmulas, os tacos e as fotos que decoram a casa da Vila Clementino, que inaugurou há quatro meses uma filial no Tatuapé, homenageiam o universo do beisebol.  A hamburgueria é tocada por um grupo de ex-atletas que passaram pela seleção brasileira e não desistiram do esporte ao seguirem carreira em outras áreas. As duas unidades têm cardápios diferen tes: enquanto a original, na zona sul, tem o hambúrguer como foco, a mais recente, da zona leste, vende comidas servidas em estádios do esporte, como burritos e sanduíches. Dentre as receitas está o Cheddar Mogiana Bacon (R$ 25,90), que leva hambúrguer, queijo mogiana e bacon.
Unidade Vila Clementino: R. Dr. Bacelar, 1.155, Vila Clementino, tel. 3578-0959. Ter. a qui.: 12h às 14h30 e 18h às 22h30. Sex.: 12h às 14h30 e 18h às 23h15. Sáb.: 12h às 16h e 18h às 23h15. Dom.: 1h às 16h e 18h às 22h30.
​Unidade Tatuapé: R. Visc. de Itaboraí, 328, Vila Azevedo, tel. 2768-6375. Ter. a qui.: 12h às 14h30 e 18h às 22h30. Sex.: 12h às 14h30 e 18h às 23h30. Sáb.: 12h às 23h30. Dom.: 16h às 22h30.

Vassoura Quebrada
O misto de hamburgueria e bar é inspirado no mundo da magia e bruxaria, como o da saga Harry Potter, de J.K. Rowling. Aberta no dia em que a autora e o protagonista da série fazem aniversário, 31/7, a casa tem decoração rústica com vassouras e quadros pendurados que remetem ao mundo mágico. No cardápio, brilham os hambúrgueres preparados com pão artesanal de abóbora, como o Pullum, feito com carne de frango, queijo prato, tomate e maionese verde. Para beber, os drinques batizados de poções se destacam, como o Crush-Blush, que leva morango, kiwi, vodca e licor de cranberry. Dizem os garçons que o poder da bebida é trazer o crush de volta, mas para que dê certo é preciso mentalizá-lo e mexer o drinque três vezes no sentido horário e três no anti-horário antes de beber. 
R. Des. do Vale, 836, Perdizes, região oeste, s/ tel. 38 lugares. Ter. a qui.: 18h30 às 23h. Sex.: 18h30 às 24h. Sáb.: 16h às 23h. Dom.: 13h às 18h.  d w

 

 

Mais que pão com carne
Casas com receitas que vão além do óbvio

Bacon Porn (Big Kahuna Burger)
Hambúrguer de 250 g recheado com queijo e embrulhado em fatias de bacon, acompanha alface, tomate, cebola-roxa e picles

Cachorro-quente
Casas como o Zé do Hambúrguer, o Johnny Rockets e o Garage Burger (foto) servem diversas receitas de cachorro-quente

Fatty Melt (The Burger Map)
Hambúrguer, queijo americano e bacon entre dois queijos quentes feitos no pão de forma

 

​Anos 1950

Terreno fértil para as hamburguerias, os anos 1950 são tema de diversas casas em São Paulo. De acordo com o fundador da Zé do Hambúrguer, Celso Ribeiro, a ideia é criar uma experiência de volta ao passado. “O hambúrguer é o coadjuvante”, diz.

Johnny Rockets
Fundada em 1986, a rede californiana desembarcou no Brasil em 2013, com uma ampla variedade de mik-shakes. Hoje com 17 unidades no país, a rede ostenta em seus restaurantes longos balcões e banquetas vermelhas que remetem aos diners americanos (pequenos restaurantes para refeições rápidas). Neles são servidos hambúrgueres como o Route 66 (R$ 35,90), que leva queijo suíço, maionese, cebola e champignon. Não se assuste se, ao visitar, os garçons pararem de atender para dançar ao som de músicas antigas —essa é uma tradição da rede.
Shopping Cidade São Paulo - Av. Paulista, 1.230, Bela Vista, região central, tel. 3595-1493. Seg. a qui. e dom.: 11h50 às 22h. Sex. e sáb.: 11h às 23h. Estac. a partir de R$ 15 (r. São Carlos do Pinhal, 627).

The Fifties
Como o nome já diz, os anos 1950 são a inspiração para a franquia, que, apesar de brasileira, tem estilo americano. São 19 unidades que começaram a abrir em 1992, nas quais desfilam garçons vestindo gravata borboleta, suspensório, chapéu e camisa listrada vermelha. Com parede de tijolinhos e chão quadriculado, a sanduicheria serve opções como o tradicional Pic Burger, feito com hambúrguer de picanha, alface, queijo prato, cebola e molho rosé (R$ 30,50).
R. Pais de Araújo, 29, Itaim Bibi, região sul, tel. 3079-3019. Seg. a qui.: 11h30 às 23h. Sex.: 11h30 às 24h. Sáb.: 12h à 1h. Dom.: 12h às 23h. Estac. R$ 18.

Twelve Burger
O tom anos 1950 domina a decoração da hamburgueria, que tem piso quadriculado e cadeiras e mesas com ar vintage. Para comer, há sanduíches como o de carne bovina com bacon, rúcula e gorgonzola 
(R$ 33,90) e, para acompanhar, batatas fritas rústicas com alecrim, que chegam à mesa com molho barbecue de goiaba e maionese de wasabi. (R$ 28,60).
R. Pio XI, 230, Alto da Lapa, região oeste, tel. 3834-1200. 160 lugares. Seg. a qui. e dom.: 12h à 1h. Sex. e sáb.: 12h às 3h. Estac. (grátis). 

Zé do Hambúrger
A hamburgueria, que acaba de abrir uma nova loja em Alphaville, tem máquina de fliperama (R$ 4, a ficha), jukebox com músicas dos anos 1950 e 1960 e um ambiente que remonta às antigas casas americanas. Para seguir no clima de nostalgia, peça o James Dean Bacon (R$ 36,90), um hambúrguer bovino acompanhado de queijo, creme de cebola e farofa de bacon.
R. Itapicuru, 419, Perdizes, região oeste, tel. 3868-4884. 185 lugares. Seg. a qui. e dom.: 12h às 24h. Sex.: 12h às 2h. Sáb.: 12h às 3h. Valet R$ 20.

 

Mais que hambúrguer
Lugares que oferecem mais do que uma boa refeição

Jazz Restô e Burgers
A casa tem apresentações de jazz ao vivo durante todos os dias da semana, exceto às sextas-feiras, quando fecha mais cedo, às 15h. De segunda a quinta, é possível ouvir temas clássicos a partir das 20h. No sábado, a apresentação começa às 21h, e no domingo, às 15h.

Taverna Medieval
O restaurante tem as noites de terça e quarta dedicadas ao RPG (role-playing game). Nelas, o público paga R$ 39 para jogar e consumir um hambúrguer. Às sextas, sábados e domingos, um instrutor ensina aspirantes a guerreiro a manejarem o arco e flecha (R$ 15 por nove flechas).

The Pitchers
Na unidade Tatuapé, atletas ou aspirantes podem treinar os arremessos e as rebatidas na Arena Baseball, parceira que funciona em um espaço anexo à hamburgueria. Para rebater 40 bolas lançadas por uma máquina paga-se R$ 30. Arremessar é mais barato: R$ 10 por 30 tentativas.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais