Christian Cravo propõe olhar sobre o Haiti

"Nos Jardins do Éden", de Christian Cravo, investiga a população, as paisagens e a religiosidade de origem africana do país - Crédito: Christan Cravo

"Nos Jardins do Éden", em cartaz no Instituto Tomie Ohtake, reúne 60 fotografias realizadas pelo fotógrafo Christian Cravo (Salvador, 1974) no Haiti. As imagens foram produzidas ao longo de mais de 20 viagens do fotógrafo ao país, desde 2001, e integram seu terceiro livro, homônimo.

O conjunto das obras foi formado antes e depois do grande terremoto no país. Mas as transformações da paisagem não são o foco. Cravo procura investigar os rituais dos peregrinos do vodu, religião oficial do Haiti, além de revelar as facetas da população e as belas paisagens do interior do país.

Entre os locais pelos quais o fotógrafo passou, estão a Grota de São Francisco de Assis, uma cova histórica localizada perto do povoado de Saint-Michel de l´Atalaye em que se fazem oferendas, e as cascatas e cachoeiras de Sodo, perto de Ville Bonheur, ao norte do que agora são as ruínas da cidade de Porto Príncipe.

Cravo participou ainda da festa de são Jacques em Plaine-du-Nord, na qual os devotos se juntam em torno de uma poça de lama e, por meio de transes e convulsões, glorificam o sacrifício com o derramamento de sangue de animais domésticos.

"Testemunhos do Silêncio", uma projeção de 25 minutos feitas quinze dias após o terremoto, traz a faceta da tragédia depois de sua exploração pelos noticiários.

Instituto Tomie Ohtake - av. Brig. Faria Lima, 201 (entrada pela r. Coropés), Pinheiros, São Paulo, SP. Tel.: 0/xx/11/2245-1900. Ter. a dom.: 11h às 20h. Até 30/1/2011. Livre. Grátis.

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais