Descrição de chapéu artes plásticas
Exposições

Instalação com 180 mil chaves e dois barcos compõe mostra de Chiharu Shiota no CCBB

Exposição da artista japonesa no centro de São Paulo conta com 70 obras

São Paulo

Conhecida por obras feitas com emaranhados de linhas que chegam a ocupar um cômodo inteiro, a artista japonesa Chiharu Shiota ganha a retrospectiva Linhas da Vida, sobre sua carreira, no CCBB, a partir desta quarta (13). 

Ali, estão expostas 70 obras, divididas em cinco núcleos, que propõem reflexões sobre a vida, as conexões e a memória, entre fotografias, vídeos, desenhos, gravuras, objetos e instalações.

Logo na entrada, uma das obras mais esperadas e que chama mais atenção é “Além da Memória”, obra inédita feita neste ano, que pode ser vista de todos andares do prédio. Composta por mais de mil folhas de papel e com 13 metros de altura, a instalação foi inspirada no povo brasileiro e na arquitetura do CCBB.

Sobre seu país de origem, o Japão, a artista apresenta “A Chave na Mão” (2015). A obra é feita com dois barcos postos em um emaranhado de 180 mil chaves, coletadas em uma campanha internacional de Shiota —para ela, os objetos estão associados às memórias pessoais que nos acompanham.

No segundo andar, a artista exibe sua registros de sua icônica performance de "Se Transformando em Pintura" (1994). Para realizar este feito, ela passou tinta tóxica no próprio corpo e sentiu a pele queimar, e o pigmento só saiu da pele depois de alguns meses. 

Paralelo à retrospectiva, a artista expõe na Japan House a mostra Internal Line, composta por um site specific, que também tem a memória como tema central.

Esta não é a primeira vez que a artista expõe no Brasil, em 2015, seus trabalhos foram expostos em uma mostra no Sesc Pinheiros que reunia três instalações realizadas com fios de lã e com materiais doados pelo público e garimpados por ela.

CCBB - R. Álvares Penteado, 112, Centro, tel. 3113-3651. Seg. e qua. a dom.: 9h às 21h. Até 27/1. Livre. Abertura qua. (13), às 14h. culturabancodobrasil.com.br. Grátis 

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais