Descrição de chapéu Cinema
Streaming

Veja 7 filmes no streaming para entender o Brasil sob Bolsonaro neste 7 de setembro

Serviços contam com 'Democracia em Vertigem' e 'O Jardim das Aflições', sobre Olavo de Carvalho

São Paulo

Caso resolva ficar em casa nesta terça, 7 de setembro, feriado da Independência e dia repleto de manifestações a favor e contra o governo em diversas cidades, uma opção pode ser explorar o streaming para entender como o Brasil chegou até aqui.

Uma seleção de filmes nas principais plataformas dão uma ideia da trajetória política brasileira dos últimos anos e de como foi eleito o presidente Jair Bolsonaro, em 2018.

“Alvorada”, documentário dirigido por Anna Muylaert e Lô Politi, por exemplo, foi lançado neste ano e exibe os últimos dias do governo de Dilma Rousseff antes de começar a presidência de Michel Temer. O ar de tensão entre os parlamentares a favor da presidente e contra ela pautam o enredo.

Ainda debruçado sobre o mesmo período, “Democracia em Vertigem” apresenta os momentos finais do impeachment de Dilma, relacionando o momento à vida da documentarista Petra Costa. O longa foi indicado ao Oscar em 2020.

Para entender o pensamento bolsonarista, “O Jardim das Aflições” também está disponível e guia o espectador pelo cotidiano e pela obra de Olavo de Carvalho, considerado guru do presidente. Do outro lado da moeda, “Marighella” mostra como Carlos Marighella, assassinado em 1969, é tido como grande inimigo da ditadura militar e de bolsonaristas —o guerrilheiro foi um dos censurados pela Fundação Palmares recentemente.

Confira a lista a seguir.

Alvorada
As diretoras Anna Muylaert e Lô Politi acompanham os últimos dias de Dilma Rousseff na Presidência. Com o Palácio do Alvorada como cenário, a trama é costurada por tensas reuniões, últimos telefonemas e a derrota que resultou no impeachment da então presidente.
Brasil, 2021. Direção: Anna Muylaert e Lô Politi. Livre. No Telecine
Leia a crítica


Bacurau
Uma pequena cidade no sertão nordestino lamenta a morte de uma moradora. Dias depois, quem vive no local percebe que o município sumiu dos mapas e passa a enfrentar uma onda de assassinatos. Codirigido por Kleber Mendonça Filho, mesmo diretor de "Aquarius" (2016), o filme ganhou o prêmio do júri no Festival de Cannes de 2019 e se tornou um campo de batalha política contra o governo Bolsonaro nas artes.
Brasil, 2019. Direção: Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles. Com: Silvero Pereira, Sônia Braga e Udo Kier. 14 anos. No Globoplay
Leia a crítica


Democracia em Vertigem
O documentário reúne imagens dos protestos de junho de 2013 no Brasil, do impeachment de Dilma Rousseff, em 2016, da prisão do ex-presidente Lula, em 2018, e da vitória de Jair Bolsonaro na disputa pelo Palácio do Planalto. Essas passagens políticas aparecem junto a relatos da vida pessoal da diretora do longa, Petra Costa. Ela relembra, por exemplo, a participação dos seus pais em movimentos estudantis. O documentário foi indicado ao Oscar em 2020.
Brasil, 2019. Direção: Petra Costa. 12 anos. Na Netflix.


O Jardim das Aflições
Considerado o guru do bolsonarismo, o documentário acompanha a rotina do escritor brasileiro Olavo de Carvalho, entrevistado em sua casa em Colonial Heights, nos Estados Unidos. Em meio ao convívio com a família, o filme apresenta seu trabalho, suas ideias e por que elas guiam parte da direita brasileira.
Brasil, 2017. Direção: Josias Teófilo. 12 anos. No Amazon Prime Video
Leia a crítica

Olavo de Carvalho, que tem a vida e a obra apresentadas no fim "Jardim das Aflições"
Olavo de Carvalho, que tem a vida e a obra apresentadas no fim 'O Jardim das Aflições' - Matheus Bazzo/Divulgação

Marighella
Com narração do ator Lázaro Ramos e música composta por Mano Brown, "Marighella" relata a trajetória de Carlos Marighella desde sua juventude na Bahia, seus anos de militância no PCB baiano, até ser morto a tiros pela ditadura, em novembro de 1969. O Baiano, como era chamado, foi considerado inimigo número um dos militares —e é atacado pelo bolsonarismo e por nomes como Sérgio Camargo, que à frente da Fundação Palmares censurou arquivos sobre o ex-guerrilheiro.
Brasil, 2012. Direção: Isa Grinspum Ferraz. 10 anos. No Telecine


Outubro
Uma semana antes da eleição presidencial de 2018, a atriz Maria Ribeiro decidiu ir às ruas de São Paulo e documentar manifestações a favor de Bolsonaro e contra ele —ainda candidato na época. O filme, exibido na Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, faz um paralelo entre o Brasil dividido e o fim de um relacionamento.
Brasil, 2019. Direção: Maria Ribeiro. Livre. No Globoplay


O Processo
O documentário reproduz o processo completo que levou ao impeachment de Dilma Rousseff. As imagens mostram a crise política que afeta o Brasil desde 2013, sem entrevistas ou intervenções, apenas a partir de imagens das votações e discussões. Um dos destaques é uma das falas do ex-ministro Gilberto Carvalho, que dá início a uma autocrítica do exercício do poder pelo PT, na qual ele procura explicar o que determinou a queda de Dilma.
Brasil, 2018. Direção: Maria Augusto Ramos. Livre. Na Netflix
Leia a crítica

Comentários

Ver todos os comentários Comentar esta reportagem

Últimas

Ver mais